La Vuelta a España - Antevisão da 18ª etapa

Chegada a Madrid numa Vuelta especial, com apenas 18 etapas. Ter terminado já é uma vitória para todos e a organização e ciclistas estão de parabéns.
Dia de consagração para Roglic enquanto que para os sprinters é a última oportunidade para ganhar em 2020.

Hipódromo de la Zarzuela - Madrid, 178,2 Km




Percurso sem dificuldades, que apenas servirá para a consagração do vencedor. Os sprinters deverão lutar pela etapa.
Percurso de 139,6 Km de extensão ao longo da região madrilena, antes de entrar na capital espanhola para o sprint final e consagração dos vencedores.

Final

Avenida larga, no último Km há uma viragem de 180º, o posicionamento será essencial nesse ponto.

Condições meteorológicas

Condições instáveis, pode chover.
Temperatura a rondar os 15ºC.
Vento fraco.

Favoritos

Sprinters

Há 3 sprinters que se destacam claramente de todos os outros.
Bennett, Ackermann e Philipsen todos venceram uma vez nesta Vuelta. O irlandês podia ter duas no saco se não tivesse sido punido numa delas.
O sprint de hoje é completamente plano e nesta Vuelta, Bennett mostrou ser o mais forte neste tipo de chegada, porém, nos últimos dias a fadiga tomou conta dele. Tem também um comboio de grande qualidade com destaque para o melhor lançador da atualidade, Morkov.
Ackermann e Philipsen são os principais adversários, o alemão não teve um 2020 tão bom como 2019, mas é daqueles que podem sacar um sprint poderoso e bater qualquer sprinter. Philipsen preferia ter uma chegada com um pouco mais de dificuldade, mas também pode disputar neste terreno e conta com os irmãos Oliveira para o lançar.

⭐⭐⭐ S. Bennett
⭐⭐ Ackermann, Philipsen
⭐ Kanter, Aberasturi, Cort Nielsen, Smith

A nossa aposta: S. Bennett
Melhor puro sprinter desta Vuelta e com Morkov a lançá-lo, vai ser complicado bater o irlandês.

Joker: Jon Aberasturi
Desiludiu bastante nesta Vuelta, tem Madrid para se redimir.


Seguir em directo: #LaVuelta2020
TV: Eurosport 1 (13:35 GMT)

 

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Publicar um comentário