4 dias de Dunquerque (2.HC) - Antevisão


Os quatro dias de Dunkerque, desde a edição do ano passado, são seis dias de prova, tal como acontece nos 3 dias de Panne, o nome já não faz grande sentido. A prova comemora a sua 65ª edição, disputa-se na região francesa de Nord-Pas de Calais, com o domínio a pertencer aos franceses (27) e aos belgas (23).
Na lista de vencedores consta o nome de Rui Costa, que conquistou a prova em 2009.

História

últimos 10 vencedores
2009 Rui Costa (POR) Caisse d'Epargne
2010 Martin Elmiger (SUI) Ag2r–La Mondiale
2011 Thomas Voeckler (FRA) Team Europcar
2012 Jimmy Engoulvent (FRA) Saur–Sojasun
2013 Arnaud Démare (FRA) FDJ
2014 Arnaud Démare (FRA) FDJ.fr
2015 Ignatas Konovalovas (LTU) Team Marseille 13 KTM
2016 Bryan Coquard (Fra) Direct Energie
2017 Clement Venturini (Fra) Cofidis, Solutions Credits
2018 Dimitri Clayes (Bel) Cofidis

Edição 2018 (Top-10)
1    Dimitri Claeys (Bel) Cofidis, Solutions Credits    21:01:53   
2    Oscar Riesebeek (Ned) Roompot-Nederlandse Loterij    0:00:02   
3    André Greipel (Ger) Lotto Soudal    0:00:04   
4    Alexis Gougeard (Fra) AG2R La Mondiale    0:00:19   
5    Valentin Madouas (Fra) Groupama-FDJ    0:00:50   
6    Timothy Dupont (Bel) Wanty-Groupe Gobert    0:00:52   
7    Marc Sarreau (Fra) Groupama-FDJ    0:00:57   
8    Brice Feillu (Fra) Fortuneo-Samsic    0:00:58   
9    Evaldas Siskevicius (Ltu) Delko Marseille Provence KTM    0:01:04   
10    Xandro Meurisse (Bel) Wanty-Groupe Gobert

Percurso

14/5 Etapa 1 - Dun Kmerque › Condé-sur-l'Escaut (172.9 Km) 15/5 Etapa 2 - Wallers › Saint-Quentin (177.7 Km) 16/5 Etapa 3 - Laon › Compiègne (156.5 Km) 17/5 Etapa 4 - Fort Mahon Plage › Le Portel (179.8 Km) 18/5 Etapa 5 - Gravelines › Cassel (181.5 Km) 19/5 Etapa 6 - Roubaix › Dun Kmerque (187.3 Km)
Total:  1055.7 Km

Apesar de manter a designação que refere os quatro dias, não se deixem enganar, a prova não se disputa nesse número de dias, como já foi referido na introdução, nesta edição serão 6 dias de prova. Como é habitual, o vento será o fator mais importante, que pode decidir a prova. As 4ª e 5ª etapa são as mais complicadas com o habitual sobe e desce constante, num percurso rompe-pernas e com setores de pavé no dia que termina em Cassel.

Perfis

14/5 Etapa 1 - Dun Kmerque › Condé-sur-l'Escaut (172.9 Km)

Subidas:

- Mont des Cats (138 m, 1.5 Km a 6.5%, Km 36.9), 
- Mont Noir (145 m, 1.2 Km a 3.6%, Km 49.8), 
- Mons-en-Pevele (90 m, 0.7 Km at5.4%, Km 125.6).

15/5 Etapa 2 - Wallers › Saint-Quentin (177.7 Km)

Subidas:
- Montay (128 m, 1.1 Km a 3.7%, Km 93.2), 
- Le Cateau-Cambraisis (111 m, 0.4 Km a 2.5%, Km 95.7).

16/5 Etapa 3 - Laon › Compiègne (156.5 Km)
Subidas:
- Bruyeres-et-Montberault (147 m, 0.7 Km a 6.3%, Km 4.5), 
- Laon (162 m, 1.7 Km a 5.0%, Km 19.6), 
- Cessieres (192 m, 1.6 Km a 4.9%, Km 34.9), 
- Cuts (144 m, 1.2 Km a 5.3%, Km 71.8), 
- Attichy (130 m, 1.1 Km a 4.2%, Km 95.2).


17/5 Etapa 4 - Fort Mahon Plage › Le Portel (179.8 Km)
Subidas:
- Dominois (63 m, 0.8 Km a 6.0%, Km 24.2), 
- Herquelinghe (104 m, 1.5 Km a 5.5%, Km 113.5), 
- Saint-Etienne-au-Mont (110 m, 0.9 Km a 11.0%, Km 127.4), 
- Saint-Etienne-au-Mont (110 m, 0.9 Km a 10.9%, Km 143.5), 
- Saint-Etienne-au-Mont (110 m, 0.9 Km a 10.9%, Km 159.6), 
- Saint-Etienne-au-Mont (110 m, 0.9 Km a 11.0%, Km 175.6).

18/5 Etapa 5 - Gravelines › Cassel (181.5 Km)


Subidas:
- Watten (66 m, 0.7 Km at 7.7%, Km 34.0),
- Cassel (154 m, 1.6 Km at 5.8%, Km 95.9),
- Cassel (154 m, 1.6 Km at 5.8%, Km 110.6),
- Cassel (154 m, 1.6 Km at 5.8%, Km 140.0),
- Cassel (154 m, 1.6 Km at 5.8%, Km 169.3).
Setores de pavé:  

1. Cassel (+, 1600 m, Km 59.5), 
2. Cassel (+, 1600 m, Km 74.2), 
3. Cassel (+, 1600 m, Km 88.8), 
4. Cassel (+, 1600 m, Km 103.5), 
5. Cassel (+, 1600 m, Km 118.2), 
6. Cassel (+, 1600 m, Km 132.9), 
7. Cassel (+, 1600 m, Km 147.6), 
8. Cassel (+, 1600 m, Km 162.3), 
9. Cassel (+, 1600 m, Km 177.0).

19/5 Etapa 6 - Roubaix › Dun Kmerque (187.3 Km)



Startlist

Aqui

Favoritos

⭐⭐⭐⭐⭐Jens Keukeleire
⭐⭐⭐⭐ Clement Venturini, Bryan Coquard
⭐⭐⭐ Mauro Finetto, Baptiste Planckaert, Christophe Laporte
⭐⭐ Dylan Groenewegen, Mike Teunissen, Marc Sarreau
⭐ André Greipel, Timothy Dupont, Niki Terpstra

A nossa aposta: Jens Keukeleire
Realizou uma primavera interessante, está em boa forma e tem uma boa ponta final, o que ajuda aqui. Lidera uma equipa da Lotto-Soudal que é das mais fortes para este terreno.

Joker: Baptiste Planckaert
Está a realizar um grande ano, depois de regredir ao voltar a uma equipa PCT. É um ciclista com um excelente sprint e também que é capaz de passar dias com muito sobe e desce, com pavé pelo meio.
A equipa deverá apostar nele, até porque é o ciclista em melhor em forma.

Seguir em directo: @4JDDunkerque, #4JDD

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário