Giro 2017 - Antevisão 14ª Etapa

O Giro está a chegar à sua fase decisiva e já com os Alpes como pano de fundo, os corredores chegarão ao Santuário de Oropa.

Perfil da 14ª etapa
Mapa da 14ª etapa
Em termos de perfil é uma das etapas mais estranhas da edição deste ano, com apenas 131 quilómetros. Começa a descer e termina no Santuário de Oropa, numa subida de 1ª categoria.
A etapa começa na cidade natal de Fausto Coppi, Castellania, por essa razão a organização decidiu neste dia, homenagear o campionissimo italiano e também Marco Pantani. 
A subida ao Santuário de Oropa não é das mais duras do Giro, mas pode fazer estragos. São 11,8 quilómetros a 6,2%. Começa com rampas 'simpáticas' e vai progressivamente aumentado a dificuldade.

Perfil da subida final


Cidade de partida: Castellania

Fotografia da Casa Museu Coppi em Castellania
Castellania é uma aldeia italiana da região do Piemonte, província de Alexandria. Aquele território é conhecido como “As colinas de Coppi”, por ser a terra natal do ciclista italiano Fausto Coppi.
A melhor forma de conhecer a zona é através das suas trilhas, com passeios de bicicleta (ou outros).
As torres medievais da aldeia foram recentemente renovadas e têm vista para a casa de Fausto e Serse Coppi, transformada agora num museu, em homenagem aos dois campeões. Todos os anos milhares de visitantes deslocam-se até Castellania para visitar o Museu Casa Coppi.
Ao longo da cidade podem ser vistos 25 cartazes gigantes, todos iluminados, que falam da vida de Fausto Coppi.

Cidade de chegada: Oropa

Santuário de Oropa
O Santuário de Oropa situa-se a 1200 metros de altitude e é desde há muitos séculos um destino para crentes, que lá vão rezar à Virgem Negra. O monte sagrado que rodeia o santuário foi considerado em 2003 como Património Mundial da Unesco. Oropa encontra-se a 11,6km de Biella, a capital mundial da industria têxtil de alta qualidade. Localizada junto aos Alpes de Biella, entre vales e riachos, há mais de dois séculos que influencia a história da alta costura, com marcas que se converteram em sinónimo de elegância e luxo.
Condições meteorológicas

O tempo estará instável, mas não se espera precipitação na região para este sábado. A temperatura rondará os 22ºC e o vento soprará fraco de Este.

Favoritos

*** Nairo Quintana
** Tom Dumoulin, Adam Yates, Vincenzo Nibali, Thibaut Pinot
* Steven Kruijswijk, Ilnur Zakarin, Domenico Pozzovivo

A nossa aposta: Nairo Quintana
A etapa é muito curta e a Movistar deve querer controlá-la. A subida até ao Santuário é menos dura que o Blockhaus, mas o colombiano mostrou a sua superioridade e deverá querer mostrar novamente a sua força.
A equipa espanhola, também deverá impor um ritmo forte, de forma a endurecer a corrida.

Outsider: Thibaut Pinot
No Blockhaus mostrou estar forte. Toda a gente deverá esperar pelo ataque de Quintana e o francês pelo o que mostrou até agora, deve ser dos poucos a conseguir acompanhar.
A subida não é tão dura quanto o Blockhaus, o que significa que em teoria será mais 'fácil' acompanhar o pequeno colombiano.

Seguir em direto: #giro100, @giroditalia
(a partir das 12:15, hora de Portugal Continental)

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário