Volta Limburg Classic (1.1) - Antevisão


As atenções estão na Flandres, mas na vizinha Holanda, este sábado realiza-se a 44ª edição da prova de um dia holandesa, Volta Limburg Classic. Disputa-se na província holandesa de Limburg, região que fica entre a Bélgica e a Alemanha.
A primeira edição disputou-se em 1973 com o nome de Hell Mergelland, sendo uma prova amadora até 1992. A corrida era descrita como ' A pérola do ciclismo'.
A prova é caracterizada pelas suas subidas curtas mas duras, descidas rápidas, chuva, granizo, quedas, sprints apertados...tudo e mais alguma coisa, que a torna muito interessante.

História
últimos 10 vencedores
2007 Nico Sijmens (BEL) Landbouwkrediet-Tönissteiner
2008 Tony Martin (GER) Team High Road
2009 Mauro Finetto (ITA) CSF Group-Navigare
2010 Yann Huguet (FRA) Skil-Shimano
2011 Pim Ligthart (NED) Vacansoleil-DCM
2012 Pavel Brutt (RUS) Team Katusha
2013 Rüdiger Selig (GER) Team Katusha
2014 Moreno Hofland (NED) Belkin Pro Cycling
2015 Stefan Kung (SWI) BMC Racing Team
2016 Floris Gerts (NED) BMC Racing Team

Edição 2016 (Top-10)
1    Floris Gerts (Ned) BMC Racing Team    4:56:29   
2    Sonny Colbrelli (Ita) Bardiani CSF        
3    Philippe Gilbert (Bel) BMC Racing Team    0:00:02   
4    Rick Zabel (Ger) BMC Racing Team        
5    Iuri Filosi (Ita) Nippo - Vini Fantini        
6    Huub Duyn (Ned) Roompot - Oranje Peloton        
7    Krister Hagen (Nor) Team Coop - Oster Hus        
8    Olivier Pardini (Bel) Wallonie Bruxelles - Group Protect        
9    Loic Vliegen (Bel) BMC Racing Team    0:00:06   
10    Dylan Teuns (Bel) BMC Racing Team    0:00:12

Percurso
Eijsden  ›  Eijsden   (198.6 Km)
 
Prova com quase 200 quilómetros com constantes subidas e descidas, num típico perfil 'rompe-pernas', que farão a selecção ao longo da prova. No total são 12 subidas, com as mais importantes a serem: Camerig, Loorberg e Gulperberg, esta última habitualmente presente na Amstel Gold Race.
Aprova consiste num circuito grande de 90 quilómetros de extensão, os corredores farão duas voltas e na parte final sairão dele e entram na cidade de Eijsden, onde se situa a linha de chegada.
 
Startlist

Condições meteorológicas

Existe a possibilidade que a chuva apareça, mas a probabilidade é baixa. A temperatura esperada rondará os 17ºC. O vento soprará fraco de Sudoeste, o que significa que na primeira parte do circuito, estará de costas e na segunda de frente.

Favoritos

*****  Ben Hermans
**** Marco Canola, Paul Martens, Floris Gerts
*** Maciej Paterski, Sebastien Delfosse, Raymond Kreder, Loic Vliegen
** Xandro Meurisse, Simone Ponzi, Dylan Groenewegen, Victor Campenaerts, Rasmus Guldhammer, Rob Ruijgh
* Justin Jules, Joey Rosskopf, Manuel Senni, Enrico Barbin, Jurgen Van den Broeck, Kilian Frankiny, Jan Tratnik

A nossa aposta: Ben Hermans
Se mostrar a forma do inicio da temporada até ao Tour of Oman, é sem dúvida o mais forte em prova e será muito complicado segui-lo nas subidas curtas mas muito inclinadas. 
Nas duas últimas provas que esteve presente, ele não brilhou. Na Volta à Catalunha, Hermans passou incógnito, afetado por doença e na Strade Bianche tinha caído. 

Outsider: Marco Canola
Na Settimana Coppi e Bartali, o italiano mostrou estar em boa forma, confirmado logo a seguir nos 3 dias de Panne. É um excelente finalizador, mas além disso, é capaz de passar percursos com alguma dureza, por isso, este perfil de prova assenta-lhe bem.

Seguir em directo: @VoltaClassic

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário