Tour 2016 - Antevisão 9ª Etapa

Depois da primeira grande montanha, aparece nova etapa monstruosa nos Pirinéus. Se a anterior foi decidida na descida, esta terá de ser decidida na última subida. Acaba em Arcalis, numa contagem de categoria especial.

Perfil da 9ª etapa


Últimos 45 quilómetros da etapa
Etapa muito dura e totalmente realizada fora do território francês. Num percurso 5 contagens de montanha, 3 de 1ª categoria, 1 de 2ª e a última que coincide com a meta é de categoria especial. 
Este é um dos dias que pode marcar grandes diferenças entre os candidatos à geral. Os últimos 45 Kms são brutais, com 3 contagens de montanha.
Subidas categorizadas:
Km 19.0 - Port de la Bonaigua (2 072 m)13.7 Km@6.1% - cat. 1
Km 87.5 - Port del Cantò (1 721 m)19 Km@5.4% - cat. 1
Km 143.0 - Côte de la Comella (1 347 m)4.2 Km@8.2% - cat. 2
Km 157.0 - Col de Beixalis (1 796 m) 6.4 Km@8.5% - cat. 1
Km 184.5 - Arcalis (2 240m)10.1 Km@7.2% - cat. HC

Cidade de partida: Vielha Val d'Aran


Vielha Val d'Aran é uma localidade Espanhola, nas montanhas dos Pirenéus, na parte noroeste da província de Lleida.
A maior parte do vale constitui uma das duas únicas zonas de Espanha e a única parte da Catalunha, situada no lado norte dos Pirenéus. Assim, este vale detém os únicos rios catalães a fluir para o Oceano Atlântico; pela mesma razão, a região é caracterizada por um clima Atlântico, em vez de um Mediterrâneo.

Cidade de chegada: Andorre Arcalis


Localizado no Principado de Andorra, a uma altitude de 1.940 metros, Arcalis pertence ao domínio de esqui de Vallnord, na localidade de Ordino. No inverno ou no verão, Arcalis abre para quem quiser se desligar da rotina diária para viver uma experiência completa natureza. 
Situado no meio do deserto, Ordino e as suas paisagens são um paraíso de tranquilidade. Do ponto de vista arquitectónico, a igreja românica do século XII, com suas pinturas do mestre de La Cortinada, também merece uma visita.

Condições atmosféricas
Praticamente não haverá vento durante a etapa. O inicio da etapa será com sol, mas para o final as coisas podem complicar, com a chuva a poder estar presente. Temperaturas a rondarem os 25º a 28 ºC.


Favoritos:
Etapa de alta montanha, que será decidida entre os favoritos à geral ou então se o pelotão deixar através de uma fuga. 

*** Nairo Quintana, Chris Froome
** Romain Bardet, Joaquim Rodriguez, Alejandro Valverde, Fabio Aru
* Rui Costa (fuga), Vincenzo Nibali (fuga), Diego Rosa (fuga), Rafal Majka (fuga), Tejay Van Garderen, Daniel Martin, Roman Kreuziger, Richie Porte

A nossa aposta: Nairo Quintana
Depois de ter sido surpreendido por Froome na descida no dia anterior, onde se distraiu e depois mostrou muita passividade, Quintana terá de mostrar que está no Tour para vencer e não para ver Froome passear. 
O Colombiano esteve forte, respondeu a Froome na aceleração no Col du Peyresourde e depois até foi ele a fazer uma aceleração, testando os adversários.

Outsider: Joaquim Rodriguez
O catalão parece voltar aos melhores tempos, tem estado nos primeiros lugares da geral e apesar de ainda pouco se ter mostrado, está no seu terreno e a etapa acaba na região que vive e treina Purito.

Seguir em directo: Eurosport 1, RTP 2, @LeTour#TDF2016

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário