Tejay Van Garderen "Olhar os meus colegas nos olhos matou-me"

Tejay van Garderen struggles during stage 17.
Tejay Van Garderen no momento da desistência

Tejay Van Garderen, ciclista da equipa BMC, abandonou ontem o Tour de France devido a uma infecção respiratória. 
O ciclista americano ocupava a 3ª posição na classificação geral aquando do seu abandono.
"Eu andava a lutar contra estes sintomas há alguns dias, tomei antibióticos e pensei que se conseguisse chegar ao dia de descanso, seria bom. Mas durante o dia de descanso eu tive febre. Ainda assim tive esperança que se me conseguisse alimentar e ter uma boa noite de sono, então eu iria ficar bem", disse TVG, afirmando ainda que ficou doente na etapa 13.

Van Garderen focou a sua temporada de trabalho no Tour de France. Sentia-se em boa forma e com capacidades para discutir um bom lugar na classificação final, mas a infecção derrubou-lhe os planos.
"Quando iniciei a etapa sabia que as pernas não estavam a funcionar. Sabia que ontem podia perder 1 minutos na subida final, mas ao perder tempo logo na primeira subida foi extremamente decepcionante."
"A parte mais dura foi no autocarro", disse Van Garderen. "Eu cheguei antes dos meus companheiros e quando eles chegaram eu tive de os olhar nos olhos, e isso matou-me". 


Também pode interessar:

Lola Cycling Team

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário