Liège-Bastogne-Liège: mais curta e mais selectiva este ano

Pódio 2014 da Liège-Bastogne- Liège: Alejandro Valverde, Simon Gerrans e Michal Kwiatkowski (na imagem)
Os organizadores da Liège-Bastogne-Liège, a Amaury Sport Organisation, optou por retomar a corrida para um percurso semelhante ao de 2013, e fazer uma rota um pouco mais curta e mais selectiva no seu final, ao contrário do percurso do ano passado, onde se assistiu a um grande grupo junto no último quilómetro, a partir do qual Simon Gerrans (Orica-GreenEdge) reivindicou a vitória ao sprint.

A edição de 2015 da La Doyenne, a mais antiga das clássicas, será 10 quilómetros mais curta do que a do ano passado, mas ainda com uma extensão total de 253 quilómetros. Ao invés de enfrentar a Costa de La Vecquée após o Côtes de Stockeu e Haute-Levée, o percurso deste ano acrescenta 4,4 km de comprimento Col du Rosier (5,9%) e 2,5 km no Col du Maquisard antes de se dirigir para o final tradicional contendo o Côte de La Redoute, Roche-aux-Faucons e Saint-Nicolas.

A corrida não irá passar novamente no Mont-Theux, que fazia parte da rota de 2013, reduzindo a distância entre o Col du Maquisard e La Redout em 11,5 km, ao invés dos 25,5 km em 2013, não permitindo assim tanta recuperação entre subidas, para o pelotão.

Subidas da Liège-Bastogne-Liège de 2015:
Côte de La Roche-en-Ardenne (km 79,0 - 2,8 km, 6,2%) 
Côte de Saint-Roch (km 125,5 - 1km, 11,2%) 

Côte de Wanne (km 169,0 - 2,7 km, 7,4%) 
Côte de Stockeu (km 175,5 - 1km, 12,5%) 
Costa de la Haute-Levée (km 181,5 - 3,6 km, 5,6%) 
Col du Rosier (km 194,0 - 4,4 km, 5,9%) 
Col du Maquisard (km 207,0 - 2,5 km, 5%) 
Côte de La Redoute (km 218,5 - 2 km, 8,9%) 
Costa de la Roche-aux-Faucons (km 234,0 - 1,5 km, 9,4%) 
Côte de Saint-Nicolas (km 248,0 - 1,2 km, 8,6%)

Também pode interessar:

Pedro Ramos

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário