Volta à França 2020 - Antevisão 8ª Etapa

Ao 8º dia chegam os Pirinéus, numa etapa que se espera mais e melhor espetáculo.

  Cazères-sur-Garonne - Loudenvielle, 141 Km
Mapa
Perfil

Etapa curta, com apenas 141 Km de extensão, com 3 contagens de montanha, mas antes dela, teremos acção na luta da classificação dos pontos no sprint intermédio aos 42,5 Km. Logo depois começa a 1ª subida do dia, o Col de Menté, de 1ª categoria, são quase 7 Km acima dos 8%, um primeiro aquecimento. Descida rápida para o inicio da subida mais dura do dia, o Port de Balès, 11,7 Km a 7,7%, não deverá ser ainda aqui que os homens da geral ataquem, mas o ritmo poderá ser elevado de forma a endurecer a corrida, o topo situa-se a 36 Km da meta. O Col de Peyresourde é a última subida do dia, começa depois da descida do Port de Balès em Saint-Avenin, o topo está a 11 Km da meta e é aqui que se esperam ataques, até porque são 9,7 Km a 7,8%.
Os últimos 12 Km são praticamente todos em descida, com zonas técnicas e também pode fazer vitimas.

Mapa da parte final
Sprints intermédios:
42,5 Km - Sengouagnet

Subida categorizada:
59,5 Km - Col de Menté (1C - 6,9 Km @ 8,1%)
104,5 Km - Port de Balès (HC - 11,7 Km @ 7,7%)
129,5 Km - Col de Peyresourde (1C - 9,7 Km @ 7,8%)


Condições meteorológicas

Algumas nuvens, mas sem chuva.
Temperatura a rondar os 20ºC,
O vento vai soprar fraco.

Favoritos

⭐⭐⭐ Primoz Roglic, Tadej Pogacar
⭐⭐ MA Lopez, Thibaut Pinot, Nairo Quintana, Egan Bernal, Tom Dumoulin, Adam Yates
⭐ Fuga

Fuga?
É bem possível, dependerá do que a Jumbo-Visma quer. A Ineos na 6ª etapa mostrou claramente que neste momento prefere um ritmo suave na montanha, por isso, não acreditamos que a equipa britânica se importe com a fuga. A Mitchelton-Scott tem a amarela, mas dificilmente conseguirá controlar a corrida na montanha.
A Jumbo-Visma tem um dos melhores trepadores do mundo a fazer de gregário, Sepp Kuss, ainda conta com o todo terreno Wout Van Aert e para finalizar George Bennett que tem estado mais resguardado. Este trio poderá fazer miséria no pelotão, caso os holandeses queiram.

Possíveis fugitivos:
Martinez
Formolo
Hermans
Barguil
Lutsenko
Herrada
Gorka e Ion Izagirre
Latour
Edet
Jungels
Devenyns
Hirschi
Kamna
Roche
De Marchi
Zakarin
Aru
Mulhberger
De Gendt

A nossa aposta: Primoz Roglic
Se a corrida for decidida entre os homens da geral, a aposta mais lógica é para Roglic. É o corredor que tem mostrado ser o mais forte, até prova em contrário, será ele o favorito para este tipo de etapa.
Homens como Landa e Pogacar poderão ter um pouco de liberdade devido ao tempo perdido ontem, mas a Jumbo-Visma não deverá querer arriscar.

Joker: Daniel Martinez
Apostar em alguém na fuga é complicado, porque a quantidade de opções é enorme.
A EF não está a ter um Tour brilhante, Martinez, vencedor do Dauphiné está completamente fora da luta pelo top-10 e por isso tem liberdade para ir para as fugas.
A sua condição deverá estar a melhorar depois da queda, por isso, hoje é um dia para ele tentar.


Seguir em directo: #tdf2020, #letour, #tourdefrance, #tdf

 (a partir das 12:20)

(a partir das 12:25)

Horário Portugal continental


Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Publicar um comentário