Volta à Polónia (2.WT) - Antevisão


A Volta à Polónia este ano celebra a sua 76ª edição. A primeira realizou-se no longínquo ano de 1928 e até 1993 a prova era amadora, avançando na hierarquia da UCI ao longo dos anos, chegando à máxima categoria em 2005.
O país dominante é o da casa, a razão é precisamente porque a prova até aos anos 90 era pouco concorrida por equipas estrangeiras. Nos últimos anos com a ascensão ao World Tour, o rol de vencedores é ilustre.

História

últimos 10 vencedores
2010 Daniel Martin (Irl)
2011 Peter Sagan (Svk)
2012 Moreno Moser (Ita)
2013 PieterWeening (Ned)
2014 Rafal Majka (Pol)
2015 Ion Izaguirre (Spa)
2016 Tim Wellens (Bel)
2017 Dylan Teuns (Bel)
2018 Michal Kwiatkowski (Pol)
2019 Pavel Sivakov (Rus)


Percurso

05/08 Etapa 1 Stadion Slaski › Spodek, Katowice (195.8 Km)
06/08 Etapa 2 Opole › Zabrze (151.5 Km)
07/08 Etapa 3 Wadowice › Bielsko-Biala (203.1 Km)
08/08 Etapa 4 Bukovina Resort › Bukowina Tatrzanska (152.9 Km)
09/08 Etapa 5 Zakopane › Kraków (188 Km)

Total:  890.49 Km

Quase 900 Km distribuídos por 5 etapas. As primeiras duas etapas são para os velocistas, onde as equipas deles deverão controlar.
As 3ª e 4ª etapas são as que irão criar maiores diferenças e onde irá ser encontrado o vencedor da geral. São duras, com muito sobe e desce.
A última etapa é novamente para sprinters.

Perfis

05/08 Etapa 1 Stadion Slaski › Spodek, Katowice (195.8 Km)
Subidas categorizadas:
162.7 Km - Al.Korfantego (4C, 0.8 Km a 2.9%) 
179.8 Km - Al.Korfantego (4C, 0.8 Km a 2.8%)

06/08 Etapa 2 Opole › Zabrze (151.5 Km)
Subidas categorizadas:
60.8 Km - Gora Sw.Anny (2C, 2.3 Km a 6.3%)

07/08 Etapa 3 Wadowice › Bielsko-Biala (203.1 Km)
Subidas categorizadas:
24.8 Km - Wielka Puszcza (2C, 1.6 Km a 8.1%)
58.5 Km - Kocierz (1C, 2.7 Km a 7.4%)
64.9 Km - Wielka Puszcza (2C, 1.6 Km a 8.1%)
98.6 Km - Kocierz (1C, 2.7 Km a 7.4%)
105 Km - Wielka Puszcza (2C, 1.6 Km a 8.1%)
123.6 Km - Przegibek (1C, 4.2 Km a 6.4%)
162.7 Km - Przegibek (1C, 4.2 Km a 6.4%)

08/08 Etapa 4 Bukovina Resort › Bukowina Tatrzanska (152.9 Km)
Subidas categorizadas:
10.4 Km - Rzepiska (1C, 2.5 Km a 6.7%)
43.9 Km - Sciana Bukovina (1C, 1.6 Km a 10.1%)
59 Km - Rzepiska (1C, 2.5 Km a 6.9%) 
92.5 Km - Sciana Bukovina (1C, 4.8 Km a 5.8%) 
107.7 Km - Rzepiska (1C, 2.5 Km a 6.8%)
141.2 Km - Sciana Bukovina (1C, 4.8 Km a 5.8%)

09/08 Etapa 5 Zakopane › Kraków (188 Km)
Subidas categorizadas:
11.4 Km - Zab (2C, 2.5 Km a 6.1%)
58.9 Km - Krowiarki (1C, 3.6 Km a 5.8%)
88.2 km - Gora Makowska (2C, 2.4 Km a 9.4%)

Startlist

Aqui

Favoritos

Sprint
⭐⭐⭐Pascal Ackermann
⭐⭐Dylan Groenewegen, Fabio Jakobsen
⭐Alberto Dainese, Luka Mezgec, Jasper Philipsen, Rudy Barbier

CG
⭐⭐⭐⭐⭐ Remco Evenepoel, Max Schachmann
⭐⭐⭐⭐Jakob Fuglsang, Tim Wellens
⭐⭐⭐Wout Poels, Simon Yates, Diego Ulissi
⭐⭐Esteban Chaves, Wilco Kelderman
⭐Ion Izagirre, Rui Costa

A nossa aposta: Max Schachmann
É um dos ciclistas mais versáteis da atualidade, anda bem em qualquer terreno. Começou o ano em grande forma, culminando com a conquista do Paris-Nice. Regressou na Strade Bianche e foi uma das figuras.
Na Polónia poderá haver novo duelo com Evenepoel, no Algarve o fenómeno belga levou a melhor, na Polónia a história pode ser diferente, até porque o percurso é um pouco melhor para o alemão.

Joker: Diego Ulissi
Foi 3º na edição 2019, o italiano chega à Polónia com o objetivo de melhorar o que fez no ano passado. O percurso é feito à sua medida, sem alta montanha, mas com 2 etapas com dureza suficiente para fazer uma seleção.

Portugueses:
3 portugueses participam e todos da mesma equipa, a UAE: Rui Costa e os irmãos Oliveira. 
Rui Costa terá liberdade para tentar fazer uma boa classificação, ele e Ulissi lideram a equipa. Os irmãos Oliveira vão tentar ajudar Philipsen nas etapas planas.


Seguir em directo: @Tour_de_Pologne, #TDP20

  (a partir das 16:15, hora Portugal continental)

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Publicar um comentário