Mont Ventoux Dénivelé Challenge (1.1) - Antevisão


Em 2019 nasceu uma nova prova em França, com o intuito de destacar uma das subidas mais emblemáticas do ciclismo mundial, o gigante da Provença, nada mais nada menos que o Mont Ventoux.
Palco de inúmeras batalhas que marcaram a história do ciclismo mundial, o Ventoux recebe a 2ª edição da prova que lhe presta homenagem, este ano, com muita gente importante que está a preparar-se para o Grand Boucle.

História

2019 Jesus Herrada (ESP) Cofidis



Percurso

Vaison-la-Romaine › Mont Ventoux (179 Km)


Percurso com 179 Km de extensão, os primeiros 80 Km são relativamente tranquilos. A meio os ciclistas sobem o Chalet Reynard, para prepararem as pernas para a subida final.
A subida final não tem segredos, ascensão por Bedoin com 19,4 Km de extensão a 7,9%. Os primeiros 5 Km são os mais suaves, depois endurece muito até ao Chalet Reynard. Mas a parte mais dura da subida são os últimos 2 Km, já com a paisagem lunar do Ventoux, os ciclistas estarão totalmente expostos ao vento, que costuma soprar com alguma intensidade.
É um dia para verdadeiros trepadores.


Startlist


Condições meteorológicas


Dia solarengo e seco, temperatura a rondar os 30ºC e o vento irá soprar fraco a moderado (no topo soprará mais forte).

Favoritos

⭐⭐⭐⭐⭐ Nairo Quintana
⭐⭐⭐⭐ AleksanderVlasov, Richie Porte
⭐⭐⭐ Giulio Ciccone, Miguel Angel Lopez
⭐⭐ Jesus Herrada, Fabio Aru, Guillaume Martin
⭐ Rein Taaramäe, Valentin Madouas, Pierre Latour

A nossa aposta: Nairo Quintana
Começou o ano intratável, a ganhar praticamente tudo o que empinava, os números eram assombrosos.
Em principio o colombiano apesar da quarentena deve ter mantido a forma e por isso é o claro candidato a ganhar um percurso deste tipo. Relembre-se que Quintana já ganhou no Ventoux este ano, no Tour de Provence, nesse dia o final foi no Chalet Reynard e o colombiano esmagou a concorrência.

Joker: Aleksander Vlasov
O russo tem realizado um excelente 2020, no Tour de Provence foi um dos melhores na chegada ao Chalet Reynard. Na recente Route d'Occitanie mostrou boas pernas, foi o melhor não-Ineos e aqui poderá voltar a provar que a evolução que está a ter é sustentada.


Seguir em directo: #MVDC2020, @MontVentouxDC
Eurosport 1  (a partir das 13h, hora de Portugal Continental)

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Publicar um comentário