Giro 2019 - Antevisão 3ª Etapa

A 3ª etapa começa em Vinci bem no coração da Toscana e termina em Orbetello, numa chegada onde o vento pode ter um papel principal.


Dia sem grandes dificuldades, onde o principal problema será o vento. A única subida categorizada situa-se a 38 Km da meta e é de 4ª categoria.
O final é que é complicado, Orbetello é uma ilha e está ligada por uma 'língua' de terra onde passa a estrada, completamente exposta ao vento e que pode cortar o pelotão. É importante a colocação, para os ciclistas não serem surpreendidos com cortes no pelotão.
Acreditamos numa disputa ao sprint.



Cidade de partida: Vinci
Vista sobre a cidade de Vinci
No interior da bela Toscana, encontramos a cidade de Vinci, berço do maior génio do renascimento italiano, Leonardo da Vinci.
Vinci é uma vila medieval bem preservada e agradável para visitar, em cujo centro se ergue a imponente Rocca dei Conti Guidi. Esta vila medieval em forma de amêndoa, incomum nesta área da Toscana, visto de cima faz lembrar um barco de dois mastros (que seria a torre da Rocca dei Conti Guidi e a torre do sino da igreja de Santa Croce) e, por este motivo, o seu centro histórico é também conhecido como "Castel della Nave".
Ainda hoje a vida de Vinci gira em torno da figura de Leonardo e a própria cidade se tornou numa espécie de museu dedicado ao mestre.

Cidade de chegada: Orbetello
Cattedrale di Santa Maria Assunta
Orbetello é conhecido como sendo um lugar ideal para o turismo ao ar livre, graças a um microclima particular que o torna o local perfeito para estas atividades. A pequena península onde o centro se ergue é cercada pelas lagoas Levante e Ponente, por sua vez definidas por duas faixas de terra, Tombolo della Feniglia e Giannella que, do lado do mar, são conhecidas pelas belas praias com as quais mergulham no mar Tirreno.
O peixe das lagoas é conhecido pela sua excelente qualidade e pela delicadeza dos pratos aos quais soube dar vida. Depois, há os pratos típicos da terra: o inevitável tortelli Maremma, recheado com ricota e espinafre e temperado com ragu de lebre ou javali. Para finalizar, não se esqueça de uma especialidade do interior de Orbetello, os queijos.

Condições meteorológicas

Possibilidade de aguaceiros, temperatura a rondar os 17ºC durante a etapa. O vento vai soprar forte de Nordeste, isto significa que poderão haver cortes no pelotão. Os homens da geral e sprinters têm de estar atentos, é um dia perigoso, principalmente para os da geral, que podem perder tudo num dia destes.

Favoritos


⭐⭐⭐ Pascal Ackermann, Elia Viviani
⭐⭐ Caleb Ewan, Fernando Gavíria
⭐ Davide Cimolai, Arnaud Demare


A nossa aposta: Pascal Ackermann

Vencedor enfático da 2ª etapa, dispõe de um comboio bem oleado e capaz de o colocar na perfeição. No 2º dia esteve praticamente imbatível e é neste momento o homem a bater.

Joker: Caleb Ewan

Excelente trabalho da Lotto-Soudal no lançamento do sprint na 2ª etapa. Arrancou um bocadinho cedo demais, voltará a disputar a vitória.

Seguir em directo: #Giro102, #Giro, @giroditalia
(a partir das 12:05, hora de Portugal Continental)

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário