Volta a Portugal 2017 - Antevisão 5ª etapa

A chegada ao Santuário de Santa Luzia nas últimas edições tem estado algumas vezes no programa da Volta a Portugal. Este ano, volta a marcar presença, num dia ideal para os puncheurs.
Mapa da 5ª etapa

Perfil da 5ª etapa
A chegada ao Santuário de Santa Luzia tem sido um clássico nos últimos anos. A partida é em Boticas, na Avenida de Chaves, em direção ao litoral, pelo caminho encontrarão duas contagens de montanha: Montalegre (3ª cat. km 6,8) e subida de Covide (2ª cat. km 103,2) no parque nacional do Gerês.
A chegada a Santa Luzia é ideal para os puncheurs, que têm aqui uma oportunidade de brilharem.

Cidade de partida: Boticas

Imagem de Boticas
Boticas é uma vila do distrito de Vila Real. É sede de concelho com 16 freguesias (após a organização territorial passaram a 10 freguesias). O concelho de Boticas foi criado em 1836 devido aos desmembramento do concelho de Montalegre.
A vila foi fundada pelos romanos e na altura era conhecida como Batocas. Com o avançar dos anos, o nome evoluiu para o que se conhece hoje.
Juntamente com Montalegre formam as Terras do Barroso. E é igualmente conhecida pelo seu fumeiro.
Se visitar Boticas, não deixe de ir às Termas de Carvalhelhos. Diz a lenda que as águas são milagrosas.

Cidade de chegada: Viana do Castelo

Santuário de Santa Luzia em Viana do Castelo
Viana do Castelo cidade do folclore, assim é conhecida. É mais uma terra do Minho, orgulhosa das suas raízes. O ponto alto das suas festas é a Romaria de Nossa Senhora da Agonia, no mês de Agosto. A cidade enfeita-se com tapetes de flores, a procissão vai do mar até às ruas da ribeira. As mulheres minhotas vestem os seus trajes tradicionais cheios de cor e usam o ouro de família, que vem passando de gerações em gerações. É uma enorme festa, capaz de encher a cidade de pessoas que vão a Viana do Castelo de propósito para assistir às festividades.
É também uma bela cidade para um passeio em família. Se for a Viana, não perca o Navio-Hospital Gil Eanes, os Estaleiros Navais, na praça da Republica o seu belo Chafariz, a Ponte Eiffel e claro está, o local onde hoje termina a etapa, o belíssimo Santuário de Santa Luzia. E tal como no Bom Jesus de Braga, na Santa Luzia também não podem perder uma viagem no seu elevador.
No final, compre uns bonequinhos artesanais muitos bonitos que por lá se vendem, chamam-se "o Manel e a Maria" e é um dos símbolos da cidade. São feitos de jornal e vestidos com fatos regionais confeccionados em lã. O preço varia conforme os fatos regionais que envergam. 
Viana do Castelo é sede de concelho com o mesmo nome, tem 40 freguesias (com a reorganização territorial passaram a 27).


Condições meteorológicas

Previsão de céu limpo, com temperaturas a rondar os 22 a 22ºC, durante a etapa. O vento soprará forte (25 a 30 Km/h) de norte, que pode influenciar a corrida.

Favoritos

*** Vicente Garcia de Mateos
** Gustavo Veloso, Raul Alarcon, Alejandro Marque, Rinaldo Nocentini
* Amaro Antunes, Domingos Gonçalves, Krists Neilands, Daniel Mestre, César Fonte, João Benta

A nossa aposta: Vicente Garcia de Mateos
Fez uma boa subida à Senhora da Graça e está na luta pelo pódio. Garcia de Mateos era um sprinter, neste momento já não o é, mas numa chegada como esta, deverá impor a sua maior velocidade final.
O final é em empedrado, e o espanhol não se dá mal nesse terreno.

Outsider: Gustavo Veloso
Foi 3º na última chegada ao Santuário de Santa Luzia, apenas batido por José Gonçalves e por Delio Fernandez, que era seu colega de equipa.
Não está tão forte como em outros anos, mas achamos que a esta subida assenta-lhe bem e a fortaleza que tem mostrado a sua equipa, torna-o num dos favoritos.



(a partir das 15:15)

Perfil desenhado por Pedro Rodrigues

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário