Volta a Portugal 2017 - Antevisão 3ª etapa

Ao quarto dia de competição os ciclista mudam-se para o interior norte do país, numa etapa com algumas dificuldades, típicas da região transmontana.

Mapa da 3ª etapa

Perfil da 3ª etapa
A prova muda-se interior centro para o Nordeste do país, com a partida em Figueira de Castelo Rodrigo, no Largo Serpa Pinto. O dia tem alguma dureza, mas nada de extraordinário, são três as contagens de montanha: Vila Nova de Foz Côa (3ª cat. 28,7), Torre de Moncorvo (3ª cat. km 46,2) e Serra de Bornes (2ª cat. km 88,7). Destaque para esta última, são 8,9 Km a 6,3%, 785 metros de subida acumulada.
Em Bragança, os ciclistas farão uma primeira passagem pela meta, que se situa na avenida Dom Sancho I.

Cidade de partida: Figueira de Castelo Rodrigo

CM de Figueira de Castelo Rodrigo
Figueira de Castelo Rodrigo é uma vila portuguesa pertencente ao Distrito da Guarda.
É sede de um município com o mesmo nome, subdividido em 10 freguesias. O município é limitado a norte pelo município de Freixo de Espada à Cinta, a leste pela Espanha, a sul por Almeida, a sudoeste e oeste por Pinhel e a noroeste por Vila Nova de Foz Côa.
Fica em Terras de Riba-Coa de vastas paisagens, planaltos, fortalezas e castelos junto ao vale do Coa.

Cidade de chegada: Bragança


Bragança pertence ao distrito com o mesmo nome e é sede de concelho com 49 freguesias.
A cidade foi fundada no século II a.C. pelos Celtas, que a baptizaram como "Brigância". O nome, ao longo dos tempos, foi-se latinizando tornando-se em Bragança. Durante a ocupação romana a cidade era conhecida como "Juliógriga", em homenagem a Júlio César.
Numa visita a Bragança não podem perder o Castelo e a sua história medieval. A Domus Municipalis é um monumento único na Península Ibérica. De arquitectura Românica, pensa-se que o edifício terá sido construído no século XV, aquando da reconstrução do castelo.
E já que estão em Bragança, que tal um passeio pelo Parque Natural de Montesinho?


Condições meteorológicas

Dia marcado por alguma nebulosidade, mas sem previsão de aguaceiros. As temperaturas rondarão os 30ºC e vento soprará moderado de oeste.

Favoritos

*** Daniel Mestre, Samuel Caldeira
** Antonino Parrinello, Stephane Poulhies, Jason Lowndes
* Vicente Garcia de Mateos, Filipe Cardoso, Johim Ariesen

A nossa aposta: Daniel Mestre
Ainda não teve oportunidade de discutir uma etapa. A sua equipa tem trabalhado, mas no final Daniel Mestre nunca foi colocado em posição de discutir a vitória. 
Acreditamos que se Mestre estiver na disputa do sprint, será um sério candidato a ganhar a etapa.

Outsider: Stephane Poulhies
Foi 3º na etapa anterior, mas pareceu ser capaz de mais, caso o italiano Parrinello não fechasse um pouco a porta ao francês.
É a aposta da Armée de Terre para os sprints e a equipa tem trabalho com esse objetivo.


(a partir das 15:15)

Perfil desenhado por Pedro Rodrigues

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário