Guia Vuelta a España 2016 - Favoritos


Classificação Geral

*****
Alberto Contador
Chega à Vuelta 'fresquinho' e sem o peso do Tour e dos Jogos Olímpicos. Depois da desilusão que foi o Tour, onde arruinou a sua participação logo na 1ª etapa, a Vuelta é a oportunidade para esquecer tamanha desilusão. Contador sempre que participou venceu a prova.

****
Chris Froome
Froome vem do Tour e dos Jogos Olímpicos, a questão principal é como se irá apresentar em Espanha, se recuperou bem. 
O ciclista da Sky já foi duas vezes segundo classificado na Vuelta, no ano passado não terminou a prova devido a uma queda.

Nairo Quintana
Quintana fez um Tour bastante longe daquilo que se esperava dele e a Vuelta surge de certa forma, como a oportunidade de se redimir da prestação em França.
A questão que se coloca é a mesma para outros, como recuperou Quintana do Tour. Outra questão será como é que a equipa vai gerir a liderança partilhada de Valverde e Quintana, é que no Tour Quintana era o líder, mas na Vuelta as coisas já não serão assim.

***
Esteban Chaves
O Colombiano na edição do ano passado esteve muito em, tendo lutado pelo pódio até ao fim. Este ano no Giro voltou a demonstrar estar já na elite dos melhores voltistas da actualidade.
Chega à Vuelta motivado para conseguir um resultado importante, é um dos candidatos ao pódio.

Steven Kruijswijk
Fez um Giro extraordinário e chega à Vuelta concentrado na possibilidade de fazer pódio. A equipa holandesa também leva Robert Gesink, no entanto Kruijswijk já mostrou ser mais fiável e deve ser o líder.
Se estiver como esteve no Giro, um lugar nos 5 primeiros é certo, com fortes possibilidades de discutir os 3 primeiros lugares.

**
Alejandro Valverde
Chega à Vuelta depois de ter feito, Giro, Tour e Jogos Olímpicos. Tem várias chegadas que lhe assentam bem e como sempre na Vuelta deve aparecer em boa forma. Esta é a sua prova, já a venceu em 2009 e este ano o objectivo deve ser o mesmo de sempre, chegar ao pódio.

Miguel Ángel Lopez
O jovem colombiano vai fazer pela primeira vez uma grande volta e logo como líder de uma equipa como a Astana. Terá responsabilidade de liderar a equipa cazaque, veremos se este jovem cheio de talento é capaz de lidar com a pressão. Na nossa opinião, é capaz de estar entre os 10 melhores já nesta Vuelta.

*
Tejay Van Garderen
Depois da desilusão que foi o Tour, o norte-americano tem na Vuelta a oportunidade de salvar a temporada, tal e qual outros.
A BMC apresenta uma equipa muito forte para todo o tipo de terreno. Dada a concorrência não ser tão forte na Vuelta, Van Garderen tem aqui uma oportunidade de lutar pelos primeiros lugares.

Outros: Samuel Sanchez, Robert Gesink, Andrew Talansky, Louis Mentjies, Warren Barguil, Hugh Carthy

Top 10 da Classificação Geral em 2015:
1 Fabio Aru (Ita) Astana Pro Team 8:36:13
2 Joaquim Rodriguez (Spa) Team Katusha 0:00:57
3 Rafal Majka (Pol) Tinkoff-Saxo 0:01:09
4 Nairo Quintana (Col) Movistar Team 0:01:42
5 Esteban Chaves (Col) Orica GreenEdge 0:03:10
6 Tom Dumoulin (Ned) Team Giant-Alpecin 0:03:46
7 Alejandro Valverde (Spa) Movistar Team 0:06:47
8 Mikel Nieve (Spa) Team Sky 0:07:06
9 Daniel Moreno Fernandez (Spa) Team Katusha 0:07:12
10 Louis Meintjes (RSA) MTN - Qhubeka 0:10:26

Classificação por pontos
A quantidade de etapas para sprinters na Vuelta, faz com que esta classificação seja muitas vezes disputada entre os homens da geral. No ano passado, Alejandro Valverde venceu om Joaquim Rodriguez a ser 2º e chaves 3º. O melhor sprinter foi Degenkolb, no 7º posto.
Este ano, pensamos que esta camisola irá ser disputada novamente pelos homens da geral.

Aqui ficam aqueles que achamos os principais candidatos a vencer esta classificação:
Alejandro Valverde
Alberto Contador
Esteban Chaves
Chris Froome
Nairo Quintana
Steven Kruijswijk
Outros: Tejay Van Garderen, Samuel Sanchez, Miguel Angel Lopez, Niccoló Bonifazio, Kristian Sbaragli, Nikias Arndt

Top 10 da Classificação por pontos em 2015:
1 Alejandro Valverde (Spa) Movistar Team 118 pts
2 Joaquim Rodriguez (Spa) Team Katusha 116
3 Esteban Chaves (Col) Orica GreenEdge 108
4 Tom Dumoulin (Ned) Team Giant-Alpecin 105
5 Nicolas Roche (Irl) Team Sky 97
6 Fabio Aru (Ita) Astana Pro Team 97
7 John Degenkolb (Ger) Team Giant-Alpecin 93
8 Rafal Majka (Pol) Tinkoff-Saxo 89
9 Nairo Quintana (Col) Movistar Team 84
10 Jose Joaquin Rojas (Spa) Movistar Team 76

Classificação da montanha
A classificação da montanha é uma das mais complicadas de prever. A grande maioria das vezes, é ganha não pelo melhor trepador, mas pelo ciclista que fixa como objectivo vencer esta camisola, colocando-se nas diversas fugas e arrecadando os pontos. No ano passado foi isso que aconteceu com Omar Fraile a vencer a classificação. 
Os ciclistas que lutarem pela geral também serão fortes candidatos a arrecadar esta classificação.

Aqui ficam aqueles que achamos os principais candidatos a vencer esta classificação:
Omar Fraille
Sérgio Pardilla
José Gonçalves
Kenny Elissonde
Thomas de Gendt
Tiago Machado
Pierre Rolland
Outros: Nairo Quintana, Chris Froome, Alberto Contador, Alejandro Valverde, Esteban Chaves, Steven Kruijswijk, Miguel Angel Lopez, Warren Barguil, Hugh Carthy

Top 10 da Classificação da montanha em 2015:
1 Omar Fraile (Spa) Caja Rural-Seguros RGA 82 pts
2 Ruben Plaza Molina (Spa) Lampre-Merida 63
3 Frank Schleck (Lux) Trek Factory Racing 30
4 Alessandro De Marchi (Ita) BMC Racing Team 28
5 Mikel Landa Meana (Spa) Astana Pro Team 25
6 José Gonçalves (Por) Caja Rural-Seguros RGA 24
7 Rodolfo Torres (Col) Colombia 22
8 Pierre Rolland (Fra) Team Europcar 20
9 Jose Joaquin Rojas (Spa) Movistar Team 19
10 Mikael Cherel (Fra) AG2R La Mondiale 18

Classificação do combinado
A classificação do combinado é aquela que junta a classificação geral, mais a da montanha e a dos pontos. Esta classificação calcula-se da seguinte forma: se um ciclista vencer a geral (1 ponto), fizer segundo na montanha (2 pontos) e quinto nos pontos (5 pontos), tem no total 1+2+5=8 pontos. 
Quem obtiver menos pontos ganha.
Habitualmente os grandes candidatos a vencer esta classificação são os homens da geral, por essa razão os candidatos não diferem daqueles apresentados acima, na classificação geral.

Aqui ficam aqueles que achamos os principais candidatos a vencer esta classificação:
Alejandro Valverde
Chris Froome
Nairo Quintana
Alberto Contador
Steven Kruijswijk
Esteban Chaves
Outros: Tejay Van Garderen, Miguel Angel Lopez, Samuel Sanchez

Top 10 da Classificação do combinado em 2015:
1 Joaquim Rodriguez (Spa) Team Katusha 16 pts
2 Fabio Aru (Ita) Astana Pro Team 23
3 Tom Dumoulin (Ned) Team Giant-Alpecin 24
4 Rafal Majka (Pol) Tinkoff-Saxo 38
5 Esteban Chaves (Col) Orica GreenEdge 43
6 Nicolas Roche (Irl) Team Sky 46
7 Mikel Landa Meana (Spa) Astana Pro Team 49
8 José Gonçalves (Por) Caja Rural-Seguros RGA 52
9 Przemyslaw Niemiec (Pol) Lampre-Merida 57
10 Frank Schleck (Lux) Trek Factory Racing 59


Classificação por equipas

Nesta classificação, consideramos a Movistar a equipa mais favorita, já que apresenta praticamente todos os pesos pesados. Numa equipa om Nairo Quintana e Alejandro Valverde a lutarem pelo pódio, é complicado apostar contra eles
A Sky, BMC e a Orica estão num segundo plano.

Classificação por equipas em 2015:
1 Movistar Team 256:44:38
2 Team Sky 0:29:47
3 Team Katusha 0:35:44
4 Astana Pro Team 0:48:24
5 Team Europcar 1:11:00
6 Caja Rural-Seguros Rga 1:20:44
7 Tinkoff - Saxo 1:40:58
8 Etixx - Quick Step 1:43:44
9 Lotto Soudal 1:55:17
10 Cofidis, Solutions Credits 2:36:11
11 Team Cannondale - Garmin 2:51:12
12 Colombia 2:56:21
13 Ag2R La Mondiale 3:07:42
14 Trek Factory Racing 3:13:22
15 Lampre - Merida 3:36:14
16 Team Giant - Alpecin 4:00:15
17 Bmc Racing Team 4:20:42
18 Iam Cycling 4:30:43
19 Mtn - Qhubeka 4:36:14
20 Orica Greenedge 5:15:38
21 Fdj 5:21:51
22 Team Lotto Nl - Jumbo 6:24:41

Portugueses
José Gonçalves
Estar em diversas fugas e tentar uma vitória de etapa. Na edição passada falhou por pouco esse objectivo, veremos o que o português faz este ano. Tal como em 2015, vem da Volta a Portugal onde esteve bem.

Mário Costa
Trabalhará para Meintjes e terá liberdade para entrar em fugas.

Tiago Machado
Não esteve no Tour e estará nesta Vuelta à procura de vitórias de etapa e talvez de entrar na discussão de uma das classificações, nomeadamente da Montanha.

José Mendes
Procurar vitórias de etapa, deve ser o grande objectivo do campeão nacional de estrada. A sua equipa não tem ninguém para a geral, o que lhe permite ter liberdade para entrar em fugas e trabalhar para si.

Sérgio Paulinho
O único objectivo de Paulinho será trabalhar para Alberto Contador.

Um pouco de história em números:
Vitórias à geral:
1. Tony Rominger 3
1. Roberto Heras 3
1. Alberto Contador 3

Vitórias da camisola da montanha:
1. José-Luis Laguia 5
2. Jose Maria Jiménez 4
2. David Moncoutie 4

Vitórias da camisola dos pontos:
1. Sean Kelly 4
1. Laurent Jalabert 4
2. Erik Zabel 3

Mais dias de camisola amarela:
1. Alex Zulle, SUI 45 dias
2. Roberto Heras, ESP 34
3. Gustave Deloor, BEL 32
3. Delio Rodriguez, ESP 32
5. Tony Rominger, SUI 31
6. Julian Berrendero, ESP 29
6. Domingo Perurena, ESP 29
8. Alberto Contador, ESP 26
9. Manuel Costa, ESP 23
9. Abraham Olano, ESP 23

Vitórias de etapas:
1 Delio Rodriguez 39
2. Laurent Jalabert, FRA 18
2. Rik Van Looy, BEL 18
4. Sean Kelly, IRL 15
5. Mr. Kartens, NED 13
5. Freddy Maertens, BEL 13
7. Tony Rominger, SUI 12
8. Domingo Perurena, ESP 11
8. Julian Berrendero, ESP 11
8. Augustin Tamames, ESP 11



Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário