Vuelta 2015 - Antevisão 9ª etapa

Etapa número nove e mais um dia típico da Vuelta, dia tranquilo até que nos últimos quilómetros aparece a grande dificuldade do dia.
A etapa irá realizar-se numa zona muito conhecida entre os corredores do pelotão internacional, já muitas das equipas do World Tour fazem o estágio de inicio de temporada nesta zona, de Benidorm, Alicante e Calpe.

Local de partida: Torrevieja
Vista sobre a zona do porto de Torrevieja
Localizada na província de Alicante, na Comunidade Valenciana, Torrevieja, destaca-se por ser uma zona balnear.
Economicamente é marcada pelo Turismo e pelos serviços, antigamente a pesca e a indústria do Sal dominavam a actividade económica de Torrevieja.
A indústria do Sal ainda tem uma importância grande na região, a lagoa de sal de Torrevieja é das mais importantes do país vizinho.

Local de chegada: Cumbre del Sol Benitachell
O paraíso que é Cumbre del Sol Benitachell
Localidade com cerca de cinco mil habitantes. Marcadamente turística, fica numa das regiões mais procuradas pelos turistas. 
Grande parte do pelotão conhece muito bem esta zona, já que uma boa parte das equipas estagia no inverno nesta região, principalmente na 'vizinhança' em Calpe. As temperaturas amenas durante o inverno e o terreno faz com que esta região seja ideal para os estágios no inverno.

Percurso
Torrevieja - Cumbre del Sol, 168,3 Km
vuelta9
Perfil da etapa

Perfil da subida final
Etapa típica da Vuelta, não se passa nada até aos últimos quilómetros, onde aparece um 'muro' que faz a diferença e a selecção.
O mais curioso da etapa é que a subida final também será percorrida antes, mas aí, curiosamente está como sendo uma subida de 2ª categoria.
A subida ao Alto de Puig Llorença, têm 3,7 Kms de extensão, a 10% de pendente média, com zonas a chegar aos 23%.

Favoritos
Joaquim Rodriguez, tem aqui uma chegada mesmo à sua medida, curta e dura. Alejandro Valverde é outro 'clássico' para este tipo de chegada, no entanto o Murciano tem estado bastante comedido, ainda não desferiu nenhum ataque a sério.
O camisola vermelha, tem estado impressionante nas etapas deste tipo e tem aqui mais uma oportunidade, embora desta vez, a chegada seja um pouco mais dura, veremos como se comporta.
A Sky tem dois homens que tem estado bem, Roche e Henao, que curiosamente têm tido liberdade, deixando Froome isolado e sem ajuda, hoje têm mais uma oportunidade.
Dumoulin tem estado em grande nível, apenas Chaves tem estado melhor, o holandês hoje terá de estar atento, os dias começam a acumular-se e o cansaço também, veremos se continuará em grande nível.
Quintana, Aru, Majka e Moreno serão outros homens a seguir, enquanto que Froome tem estado muito apagado. Landa também está longe da forma que apresentou no Giro.

***** Joaquim Rodriguez
**** Alejandro Valverde, Johan Chaves, Nicolas Roche
*** Tom Dumoulin, Nairo Quintana, Fabio Aru, Sergio Henao, Rafal Majka, Daniel Moreno
** Mikel Landa, Chris Froome, Samuel Sanchez, Domenico Pozzovivo, Louis Meintjes
* Fuga

A nossa aposta: Joaquim Rodriguez
Surpresa: Samuel Sanchéz

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário