Stuart O'Grady - 60.000 km só em Tour

Stuart O'Grady no Paris Roubaix (na imagem)

Stuart O'Grady é um antigo ciclista  australiano, que foi profissional entre 1995 e 2013. O'Grady ganhou uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Verão de 2004. Também ganhou o Paris-Roubaix em 2007. O'Grady competiu no Tour de France desde 1997 até 2013, lutou pela classificação por pontos do Tour nos anos de 1998, 1999, 2001 e 2005, terminando no segundo lugar e chegou a vestir a camisola amarela que simboliza o  líder da classificação geral em 1998 e 2001.
Com a participação no Tour de France 2013, bateu o recorde de George Hincapie de 17 participações no Tour de France, tornando-se desta forma uma lenda do ciclismo mundial. O´Grady já teve o merecido reconhecimento no seu país natal, ao ser condecorado com a medalha de ordem da Austrália. 
Desde sempre esteve em contacto com o ciclismo pois cresceu no seio de uma família ligada ao ciclismo. O seu pai já tinha corrido em competições de estrada e de pista e o seu tio competiu pela equipa australiana de ciclismo de pista nos Jogos Olímpicos de Verão de 1964, que se realizaram em Tóquio. 
Stuart O'Grady começou no ciclismo de pista e ganhou uma medalha de prata na perseguição por equipas nos Jogos Olímpicos de Verão de 1992 em Barcelona apenas com 18 anos de idade. Nos Jogos Olímpicos de Verão de 1996 em Atlanta, ganhou medalhas de bronze, tanto na corrida por pontos como na perseguição por equipas.
Ao longo da sua grande carreira, venceu etapas também na Vuelta, no Criterium du Dauphiné Liberé entre muitas outras competições.
O'Grady criou e apoia financeiramente uma equipa júnior de ciclismo australiana, a CSC Team O'Grady, que foi criada em 2005.

Também pode interessar:

jdragon cycling team

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário