Gianni Moscon expulso da Volta à França

Gianni Moscon durante o Tour 2018 (Foto: AFP News)
Gianni Moscon do Team Sky, foi expulso da Volta à França depois de se ter envolvido numa discussão mais acalorada no inicio da etapa de hoje (15ª) com um ciclista da Fortuneo-Samsic. O italiano tenta agredir o ciclista da equipa francesa, pelas imagens não dá para perceber se acerta no colega de profissão.



Moscon já esteve envolvido em diversos casos polémicos, um deles resultou mesmo numa suspensão da equipa. Durante a Volta à Romandia 2017 proferiu palavras racistas contra Kevin Reza (FDJ), o italiano acabou por admitir e foi suspenso pela equipa por 6 semanas.
Durante a prova italiana Tre Valle Varesine, Moscon foi acusado de ter empurrado Sebastian Reichenbach, também da FDJ, entretanto o caso foi encerrado. 
Outro caso ocorreu durante a prova em linha do último mundial, foi expulso por se ter agarrado deliberadamente ao carro italiano.

O rol de casos já é longo, o comportamento de Moscon deve ser revisto, tanto pela equipa como pela UCI e a sua federação. Se ele não consegue ter um comportamento correto em competição, não pode competir.

 

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário