Tour of Britain (2.HC) - Antevisão


O Tour of Britain nasceu em 2004, de forma a recuperar a antiga Volta à Grã-Bretanha, conhecida pelos nomes de Milk Race e Kellogg's Tour.
O crescimento do ciclismo nos últimos anos nas ilhas britânicas tem sido enorme e esta prova tem ganho importância. Algumas das principais figuras do pelotão internacional têm marcado presença na prova britânica contribuindo para o seu crescimento e este ano não será excepção, com uma lista de participantes extraordinária, onde se destaca a qualidade dos sprinters presentes.

História

últimos 10 vencedores
2006  Martin Pedersen (DEN) Team CSC
2007  Romain Feillu (FRA) Agritubel
2008  Geoffroy Lequatre (FRA) Agritubel
2009  Edvald Boasson Hagen (NOR) Team Columbia-HTC
2010  Michael Albasini (SUI) Team HTC-Columbia
2011  Lars Boom (NED) Rabobank
2012  Nathan Haas (AUS) Garmin-Sharp
2013  Bradley Wiggins (GBR) Team Sky
2014  Dylan van Baarle (NED) Garmin-Sharp
2015  Edvald Boasson Hagen (NOR) MTN - Qhubeka 
2016  Stephen Cummings (GBR) Dimension Data

Edição 2016 (Top-10)
1 Stephen Cummings (GBr) Dimension Data 31:30:45
2 Ben Swift (GBr) Team Sky 0:01:52
3 Mark Christian (GBr) Team WIGGINS 0:04:02
4 Tao Geoghegan Hart (GBr) Great Britain 0:05:23
5 Erick Rowsell (GBr) Madison Genesis 0:05:41
6 Steven Lampier (GBr) JLT Condor 0:07:05
7 Edmund Bradbury (GBr) NFTO 0:09:32
8 Russell Downing (GBr) JLT Condor 0:09:54
9 Thomas Stewart (GBr) Madison Genesis 0:18:29
10 Alistair Slater (GBr) JLT Condor 0:19:55

Percurso


 3/9 Etapa 1 - Edinburgh ›  Kmelso (188 Km)
 4/9 Etapa 2 -  Kmielder water and forest par Km › Blyth (211 Km)
 5/9 Etapa 3 - Normanby Hall country par Km › Scunthorpe (172 Km)
 6/9 Etapa 4 - Mansfield › Newar Km-on-Trent (175 Km)
 7/9 Etapa 5 (ITT) - Tendring › Tendring (16 Km)
 8/9 Etapa 6 - Newmar Kmet › Aldeburgh (183 Km)
 9/9 Etapa 7 - Hemel Hemstead › Cheltenham (186 Km)
 10/9 Etapa 8 - Worcester › Cardiff (180 Km)
Total: 1311 Km

Percurso típico do Tour of Britain, com oito etapas, sendo na sua maioria, planas. O contrarrelógio na 5ª etapa deverá ser decisivo.
Uma das características mais interessante é que cada equipa só pode levar 6 ciclistas, o que dificulta o controlo da corrida. Além do contrarrelógio, as etapas que poderão fazer diferenças importantes, são a 3ª etapa, que termina em Scunthorpe e a penúltima etapa que tem a linha de meta em Cheltenham.


Perfis
 3/9 Etapa 1 - Edinburgh ›  Kmelso (188 Km)


 4/9 Etapa 2 -  Kmielder water and forest par Km › Blyth (211 Km)


 5/9 Etapa 3 - Normanby Hall country par Km › Scunthorpe (172 Km)


 6/9 Etapa 4 - Mansfield › Newar Km-on-Trent (175 Km)


 7/9 Etapa 5 (ITT) - Tendring › Tendring (16 Km)

 8/9 Etapa 6 - Newmar Kmet › Aldeburgh (183 Km)

 9/9 Etapa 7 - Hemel Hemstead › Cheltenham (186 Km)

 10/9 Etapa 8 - Worcester › Cardiff (180 Km)


Startlist

Aqui

Favoritos

***** Stefan Kung
**** Tony Martin, Primoz Roglic, Geraint Thomas
*** Edvald Boasson Hagen, Michal Kwiatkowski, Jonathan Castroviejo
** Luke Durbridge, Gorka Izagirre, Daniele Bennati, Alexander Kristoff
* Fernando Gavíria, Philippe Gilbert, Mads Wurtz Schmidt, Alex Dowsett

A nossa aposta: Stefan Kung
O suiço é a principal aposta da BMC para a prova e terá para o apoio uma equipa forte. O contrarrelógio deverá ser decisivo para encontrar o vencedor e a nossa aposta para esse dia é Stefan Kung, que pode fazer a diferença decisiva.
Claro que nos outros dias, principalmente nas etapas com perfil mais rompe pernas (3ª e 7ª etapas).

Outsider: Geraint Thomas
O galês é um dos favoritos e afirmou antes da prova que tem como objetivo ganhá-la. É um ciclista completo, que passa bem as etapas mais complicadas e no contrarrelógio é capaz de estar entre os melhores.
A Sky terá mais dificuldades em controlar a corrida, já que as equipas só podem ter 6 ciclistas, o que  a torna mais aberta.

Seguir em directo: @TourofBritain, #tob2017

Mapa e perfil retirados do site oficial da prova


Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário