Volta à França 2017 - Antevisão 8ª etapa

Depois de dois dias para os sprinters, a 8ª etapa é ideal para que uma fuga finalmente tenha sucesso neste Tour. Apesar de uma subida de 1ª categoria já perto do final, as diferenças entre os homens da geral não devem ser significativas.

Rescaldo da 7ª etapa
O resumo é simples. Formou-se uma fuga, sempre controlada pelo pelotão, que a anulou quando quis. A vitória foi disputada ao sprint e desta vez, Marcel Kittel bateu Boasson Hagen por apenas 0,0003 segundos, uma diferença tão pequena que é difícil de acreditar. Michael Matthews foi 3º.
O grande interesse do dia foi mesmo a incerteza de quem foi o vencedor, uma das diferenças mais pequenas de sempre numa etapa do Tour.

Classificação da 7ª Etapa do Tour (Top 10)
1 Marcel Kittel (Ger) Quick-Step Floors    5:03:18   
2 Edvald Boasson Hagen (Nor) Dimension Data        
3 Michael Matthews (Aus) Team Sunweb        
4 Alexander Kristoff (Nor) Katusha-Alpecin        
5 John Degenkolb (Ger) Trek-Segafredo        
6 Dylan Groenewegen (Ned) Team LottoNl-Jumbo        
7 Rüdiger Selig (Ger) Bora-Hansgrohe        
8 Nacer Bouhanni (Fra) Cofidis, Solutions Credits        
9 André Greipel (Ger) Lotto Soudal        
10 Daniel Mclay (GBr) Team Fortuneo - Oscaro
...
99 Tiago Machado (Por) Katusha-Alpecin

Classificação geral após a 7ª Etapa (Top 10)
1 Christopher Froome (GBr) Team Sky 28:47:51    
2 Geraint Thomas (GBr) Team Sky    0:00:12   
3 Fabio Aru (Ita) Astana Pro Team 0:00:14   
4 Daniel Martin (Irl) Quick-Step Floors 0:00:25   
5 Richie Porte (Aus) BMC Racing Team 0:00:39   
6 Simon Yates (GBr) Orica-Scott    0:00:43   
7 Romain Bardet (Fra) AG2R La Mondiale 0:00:47   
8 Alberto Contador (Spa) Trek-Segafredo 0:00:52   
9 Nairo Quintana (Col) Movistar Team 0:00:54   
10 Rafal Majka (Pol) Bora-Hansgrohe 0:01:01
...
53 Tiago Machado (Por) Katusha-Alpecin 0:07:56

Diferenças entre os chefes de fila:
1 - Cris Froome (Team Sky) 28h47’51”
2 - Geraint Thomas (Team Sky) +12″
3 - Fabio Aru (Astana Pro Team) +14″
4 - Dan Martin (Quick-Step Floors) +25″
5 - Richie Porte (BMC) +39″
6 - Simon Yates (Orica-Scott) +43″
7 - Romain Bardet (AG2R La Mondiale) +47″
8 - Alberto Contador (Trek-Segafredo) +52″
9 - Nairo Quintana (Movistar Team) +54″
10 - Rafal Majka (Bora-Hansgrohe) +1:01
11 - Rigoberto Urán (Cannondale-Drapac) +1:01
13 - Louis Meintjes (UAE Team Emirates) +1:24
14 - Emanuel Buchmann (Bora-Hansgrohe) +1:29
15 - Jakob Fuglsang (Astana Pro Team) +1:33
19 - Andrew Talansky (Cannondale-Drapac) +1:57
30 - Esteban Chaves (Orica-Scott) +2:44

Perfil da 8ª etapa
Mapa da 8ª etapa
Etapa na região de Jura, ideal para que uma fuga tenha sucesso. O perfil da jornada tem alguma dificuldade, não sendo nenhuma etapa com dificuldade extrema.
Serão três contagens de montanha, com destaque para a subida final de 1ª categoria, o seu topo situa-se a 12 quilómetros da metas, que são planos e não em descida.

Km 101.5 - Col de la Joux 6.1 Km de extensão a 4.7% - categoria 3
Km 138.5 - Côte de Viry (748 m) 7.6 Km de extensão a 5.2% - categoria 2
Km 175.5 - Côte de la Combe de Laisia-Les Molunes (1 202 m) 11.7 Km de extensão a 6.4% - categoria 1


Últimos 23 quilómetros


Cidade de partida: Dole
Notre Dame de Dole
Dole é uma cidade no departamento de Jura, na região Franche-Comté no leste da França. 
Dole era a capital do Franco-Comté até Louis XIV conquistou a região. Ele mudou o parlamento de Dole para Besançon. A universidade, fundada pelo duque Philippe de Borgonha em 1422, também foi transferida para Besançon naquele momento.
Um dos locais a não perder na cidade é a Notre Dame de Dole. A partir dos 70 metros da sua torre, a igreja de Notre Dame tem vista para o centro de Dole. A sua peculiaridade reside na arquitectura que mistura os estilos góticos e renascentistas. 

Cidade de chegada: Station des Rousses
Station des Rousses
Station des Rousses é uma estação de montanha francesa situada no departamento de Jura em Franche-Comté.
A estação oferece actividades no verão e no inverno. A área de esqui tem 220 quilómetros com trilhas de cross-country e uma grande área de esqui alpino.
A ultima etapa da Volta à França que terminou em Station des Rousses, teve Sylvain Chavanel como vencedor. Para além da vitória do dia, Chavanel também vestiu de amarelo no final etapa.

Condições meteorológicas


Será um dia mais instável que os anteriores. Grande parte da etapa será realizado sobre temperaturas elevadas, ao redor dos 35ºC, no final, poderão baixar ligeiramente, com a probabilidade de ocorrer precipitação. O vento soprará fraco de sudeste.

Favoritos

*** FUGA (Stephen Cummings, Thomas de Gendt, Tim Wellens, Tony Gallopin, Diego Ulissi, Lilian Calmejane, Serge Pauwels, Daniel Navarro, Tiesj Benoot, Pierre Rolland)
** Fabio Aru, Daniel Martin
* Chris Froome, Richie Porte, Simon Yates, Rigoberto Uran, Romain Bardet


A nossa aposta: Stephen Cummings
Chegou ao Tour em grande forma, depois de uma grande atuação nos campeonatos britânicos de estrada. O objetivo é vencer etapas e esta tem o seu nome estampado no perfil e com o tempo perdido, tem liberdade para entrar na fuga.


Outsider: Daniel Martin
Se a etapa for disputada entre os da classificação geral, acreditamos que o irlandês, Daniel Martin é o mais sério candidato. É o melhor finalizador entre o grupo que disputa a geral e a última subida não deverá suficiente para o descartar.

Seguir em directo: #tdf2017, #letour, #tdf
(a partir das 11:15, hora de Portugal Continental)
(a partir das 13:10, muda para a RTP1 às 14:30, hora de Portugal Continental)

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário