Volta à França 2017 - Antevisão 16ª etapa

Depois do segundo e último dia de descanso, chega a última semana de prova, aquela que vai decidir quem irá ganhar a edição deste ano. A etapa que abre a semana não é completamente plana, mas os sprinters têm mais uma oportunidade.

Rescaldo da 15ª etapa
Dia marcado pela vitória de Bauke Mollema e pelos problemas mecânicos do camisola amarela, que complicou a sua vida. Froome chegou a ter uma desvantagem de quase 1 minuto para o grupo de Bardet e Aru, que era comandado pela Ag2R, que desta vez não esperou pelo britânico. Mikel Landa esteve sempre no grupo da equipa francesa, mas quando o camisola amarela ficou sem colegas de equipas, recuou para ajudar Froome a recolar, o que aconteceria e o britânico salvava o dia, depois de um grande susto.
Mollema venceu a etapa, esteve integrado na fuga do e acabou por ser o mais forte. A primeira vitória da Trek-Segafredo neste Tour.

Classificação da 15ª Etapa do Tour (Top 10)
1 Bauke Mollema (Ned) Trek-Segafredo 4:41:47   
2 Diego Ulissi (Ita) UAE Team Emirates 0:00:19   
3 Tony Gallopin (Fra) Lotto Soudal        
4 Primoz Roglic (Slo) Team LottoNl-Jumbo        
5 Warren Barguil (Fra) Team Sunweb 0:00:23   
6 Nicolas Roche (Irl) BMC Racing Team 0:01:00   
7 Lilian Calmejane (Fra) Direct Energie    0:01:04   
8 Jan Bakelants (Bel) AG2R La Mondiale        
9 Thibaut Pinot (Fra) FDJ        
10 Serge Pauwels (Bel) Dimension Data
...
164 Tiago Machado (Por) Katusha-Alpecin 0:26:32

Classificação geral após a 15ª Etapa (Top 10)
1 Christopher Froome (GBr) Team Sky 64:40:21   
2 Fabio Aru (Ita) Astana Pro Team 0:00:18   
3 Romain Bardet (Fra) AG2R La Mondiale 0:00:23   
4 Rigoberto Uran (Col) Cannondale-Drapac 0:00:29   
5 Daniel Martin (Irl) Quick-Step Floors    0:01:12   
6 Mikel Landa (Spa) Team Sky 0:01:17   
7 Simon Yates (GBr) Orica-Scott    0:02:02   
8 Louis Meintjes (RSA) UAE Team Emirates 0:05:09   
9 Alberto Contador (Spa) Trek-Segafredo 0:05:37   
10 Damiano Caruso (Ita) BMC Racing Team 0:06:05
...
76 Tiago Machado (Por) Katusha-Alpecin 1:46:29

Perfil da 16ª etapa
Mapa da 16ª etapa
Etapa que pode ser dividida em duas partes. Até aos 65 quilómetros, o terreno não é extremamente complicado, mas pode fazer alguma mossa, os corredores subirão até aos 1250 metros de altitude. A partir daí é descer até praticamente ao nível do mar, onde farão pouco mais de 50 quilómetros em terreno relativamente plano.


Cidade de partida: Le Puy-en-Velay

Le Puy-en-Velay é uma cidade francesa na região de Auvergne-Rhône-Alpes, no departamento de Haute-Loire de Velay. Os seu habitantes são chamados de Ponots, embora o nome de Puytois também exista mas seja pouco utilizado.
A cidade é conhecida por ser a saída de um dos caminhos para Compostela.

A última vez que fez parte do Tour foi em 2005 e o vencedor desse dia foi Giuseppe Guerini.

Cidade de chegada: Romans-Sur-Isère

Romans-sur-Isère é uma cidade francesa situada no departamento de Drôme, na região Auvergne-Rhône-Alpes. Localiza-se na margem direita do rio Isere, 20 km a nordeste de Valence.
O pelotão do Tour nunca chegou a Romans-sur-Isère. Mas a cidade já foi palco de chegadas do Paris-Nice.
Romans é também a cidade natal de uma das jovens promessas do ciclismo francês, Pierre Latour.

 Condições meteorológicas

Dia com muito sol e calor, esperam-se 33ºC durante todo o percurso. Espera-se vento forte de sudeste, o que significa que os ciclistas apanharão vento lateral e elas costas.

Favoritos

*** Marcel Kittel
** Alexander Kristoff, John Degenkolb, Nacer Bouhanni, Dylan Groenewegen, André Greipel, Sonny Colbrelli, Ben Swift, Michael Matthews, Davide Cimolai, Dvald Boasson Hagen
* FUGA (Thomas de Gendt, Philippe Gilbert, Tony Martin, Tony Gallopin, Greg Van Avermaet, Stefan Kung, Oliver Naesen, Yoann Offredo)

A nossa aposta: Marcel Kittel
O sprinter alemão já conta com cinco vitórias de etapa e cada vez que disputou um sprint venceu sempre nesta edição. A etapa não é tão ideal para ele, já que na fase inicial tem algumas dificuldades. Mas com a ajuda da equipa, o alemão não deve ter problemas em recuperar o tempo perdido (se é que fica para trás).
Apesar de ter uma grande vantagem na classificação por pontos, uma vitória sentenciava a camisola verde e só um azar ou chegar numa etapa fora do controlo é que lhe pode retirar a vitória nos pontos desta edição.

Outsider: FUGA
Com as dificuldades da fase inicial, é natural que uma fuga se forme, se a mesma tiver muitos elementos e de qualidade, será complicado ao pelotão absorvê-los.
Entre os nomes, existem diversos que ainda procuram uma vitória de etapa, se tivéssemos de escolher um nome seria, Philippe Gilbert*. Com ele em fuga, a Quick-Step Floors não trabalharia no pelotão e além disso Gilbert tem uma boa ponta final (não sendo sprinter), melhor que a maioria do pelotão.
*Gilbert abandonou, não partiu para a etapa de hoje.

Seguir em directo: #tdf2017, #letour, #tdf
(a partir das 11:45, hora de Portugal Continental)
(a partir das 13:10, passa para a RTP1 às 14:30, hora de Portugal Continental)




Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário