Clássica da Primavera (NAC 1.12) - Antevisão



Neste domingo no concelho da Póvoa de Varzim disputa-se a 21ª edição da Clássica da Primavera.
Esta é a mais antiga Clássica de ciclismo de Portugal, já faz parte da tradição não só na Póvoa de Varzim mas de todo o ciclismo nacional. A exemplo das edições anteriores, a competição irá reunir os melhores ciclistas nacionais, bem como as mais importantes equipas do País.

História
últimos 10 vencedores
2004  Fernando Ungria Fernandez (ESP) Ovarense
2005  Alberto Benito (ESP) Barbot
2006  Sérgio Ribeiro (POR) Barbot
2007  Manuel Cardoso (POR) Boavista
2008  João Cabreira (POR) Maia
2009  Edgar Pinto (POR) Liberty Seguros
2012  Samuel Caldeira (POR) Tavira
2014  Diego Rubio (ESP) Efapel
2015  Pedro Paulinho (POR) LA Aluminios-Antarte
2016  Matti Manninen (FIN) Team Bliz-Merida

Edição 2016 (Top-10)
1º Matti Manninen (FIN)  Team Bliz - Merida 3:52:07
2º Sebastian Baylis (GBR) Zappi´s Racing Team 3:01
3º Rafael Silva (POR)  Efapel 3:48
4º Daniel Freitas (POR) W52/FC Porto
5º Luís Mendonça (POR) Sicasal / Constantinos / UDO
6º Rafael Reis (POR) W52/FC Porto
7º César Fonte (POR) Rádio Popular / Boavista
8º Luís Gomes (POR) Liberty Seguros / Carglass
9º David de la Fuente (ESP) Sporting / Tavira
10º Pedro Paulinho (POR) LA Aluminios / Antarte

Percurso
Póvoa de Varzim - Póvoa de Varzim, (147.0 Kms) 

No total, os ciclistas vão percorrer 147 quilómetros, num percurso com partida agendada para as 11h00, na Avenida Vasco da Gama (Póvoa de Varzim) e chegada prevista para as 14h15, no mesmo local. A prova inclui sete voltas a um circuito, que inclui a subida ao Monte de S. Félix e passagem por Aver-o-Mar, Navais, Estela, Laúndos, Rates, Terroso e Amorim.




Condições atmosféricas

Condições perfeitas para a prática da modalidade. O céu vai estar limpo e as temperaturas irão rondar os 17ºC. O vento irá soprar de Noroeste e pode atingir os 22 Km/h, o que significa que em grande parte do percurso os corredores irão apanhar vento cruzado.

Favoritos

Infelizmente não temos acesso à lista de participantes. No entanto iremos levar em conta aqueles que no pelotão nacional serão os favoritos para conquistar esta prova.

***** Vicente Garcia de Mateos, Luis Mendonça
**** Edgar Pinto, Sérgio Paulinho, Samuel Caldeira
*** César Fonte, Fabio Silvestre, Daniel Freitas
** César Martingil, Pedro Paulinho, Rafael Silva, Daniel Mestre
* Filipe Cardoso, Luis Gomes, Gustavo Veloso

A nossa aposta: Luis Mendonça
É um dos ciclistas que mais evoluíram no último ano em Portugal. Foi 5º na edição do ano passado e o percurso é bem ao seu jeito. É um bom finalizador, ou seja, é capaz de discutir a vitória se a prova acabar num grupo compacto.

Outsider: Daniel Freitas
Deve ser a principal aposta da equipa W52-FC Porto-Mestre da Cor. No ano passado foi 4º e o ciclista conhece bem os caminhos onde a prova vai ser percorrida, já que é natural da região. O percurso também é à sua medida.


Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário