Nibali: "Em Bahrain-Merida procuro novos desafios"; Apresentação da equipa Sporting-Tavira; Brailsford critica presidente da UKAD

Nibali: "Em Bahrain-Merida procuro novos desafios"

Vincenzo Nibali, dentro de poucos dias, estreia-se em competições com a sua nova equipa. O italiano elegeu a Vuelta a San Juan como competição para iniciar a temporada 2017.
"Esta será a minha primeira participação na Vuelta a San Juan. O meu treinador, Paolo Slongo, disse-me que é uma prova perfeita para começar aos poucos a ter contacto com a competição porque não é demasiado dura. Além disso, eu quero correr na Argentina porque descobri que também tenho lá muitos seguidores".

Talvez o 'tubarão' seja supersticioso pois, a verdade é que sempre que Nibali ganhou uma grande volta tinha iniciado a sua temporada na Argentina. 
"Começar na Argentina tornou-se numa tradição. Tenho um feeling especial com este país e costuma dar-me sorte porque, sempre que começo ali, a temporada corre bem e obtenho bons resultado".

Questionado sobre a sua mudança da Astana para a Bahrain-Merida, Nibali admitiu que procura novos desafios.
"Depois de uns anos na Astana, onde tive êxitos e alguns episódios menos felizes, sentia que era o momento de mudar e procurar novos desafios. A equipa Bahrain-Merida começou a ser criada, pouco a pouco, mas estou seguro que irá impor respeito aos nossos rivais".

Apresentação da equipa Sporting-Tavira

Foi no fim de semana passado apresentada a equipa do Sporting-Tavira para a temporada 2017. O Sporting aproveitou o jogo que decorreu em Alvalade para fazer a apresentação oficial aos seus sócios. O plantel é constituído por 12 ciclistas, dos quais 4 são novas contractações e os restantes transitaram da temporada anterior. 

Entradas:
Freferico Figueiredo > Rádio Popular-Boavista
Joni Brandão > Efapel
Alejandro Marque > LA-Antarte
Fábio Silvestre > Leopard

Manutenções:
Rinaldo Nocentini
Óscar Brea 
Mário Gonzalez 
Jesús Ezquerra 
Valter Pereira 
Luís Fernandes
David Livramento
Shaun Bester 

Brailsford critica presidente da UKAD

Dave Brailsford criticou David Kenworth, presidente da associação anti-doping do Reino Unido, acusando-o de desvendar pormenores e de minar a investigação.
Kenworth, em declarações à BBC, afirmou que nem ele nem a UKAD irão desistir da investigação até que esta esteja concluída e a verdade apurada.

Também em declarações à BBC, Brailsford demonstrou o seu descontentamento pelas declarações de Kenworth. 
"Eu acho que a  única coisa extraordinária nisto é o presidente da UKAD comentar uma investigação que está a decorrer. A maioria das pessoas com uma mentalidade justa reconhece que, se há um processo a decorrer para tentar apurar o que aconteceu, então devemos esperar até ao fim desse processo. Não acho que a maioria das pessoas de espírito justo possam pensar que a melhor maneira seja a meio da investigação fazer declarações e minar o processo. Eu vou respeitar esse processo, fazer o que é correcto e, no final, quando estiver concluído, podemos todos seguir em frente". 





Também pode interessar:

Lola Cycling Team

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário