Greg Van Avermaet revela calendário; Treinador de ciclocross suicidou-se após ciclista acusar positivo; Tour do Qatar poderá regressar

 
Greg Van Avermaet e Peter Sagan no Tirreno-Adriático 2016 (Fonte da imagem: RCS Sport)

Greg Van Avermaet revela calendário

Greg Van Avermaet, anunciou o seu calendário para a primavera. O campeão olímpico vai começar a sua temporada em Espanha, onde irá disputar a Volta à Comunidade Valenciana que se realiza de 1 a 5 de Fevereiro. Avermaet irá participar no Tour of Oman (14 a 19 de Fevereiro), mesmo antes de defender o título na Omloop Het Niewsblad (25 de Fevereiro), que no ano passado venceu à frente de Peter Sagan. No dia seguinte (26 de Fevereiro) Avermaet vai disputar a Kuurne-Bruxelas-Kuurne
Da Bélgica segue para Itália, país onde disputará três provas, Strade Bianche (4 de Março), Tirreno-Adriático (outra prova que também venceu no ano passado e que este ano se realiza de 8 a 14 de Março) e a Milão-São Remo (18 de Março).
Posteriormente Greg Van Avermaet irá participar na E3 Harelbeke (24 de Março), Gent-Wevelgem (26 de Março), Volta à Flandres (2 de Abril) e Paris-Roubaix (9 de Abril), finalizando a primeira parte da temporada na Amstel Gold Race (16 de Abril). 

Treinador de ciclocross suicidou-se após ciclista acusar positivo

De acordo com alguns meios de comunicação, o ciclista sub-23 de ciclocross, Fabio Verberckmoes, acusou positivo para cortisona num teste feito após uma corrida a 18 de Dezembro. O seu treinador Eddy V. (não conseguimos apurar o nome completo) aparentemente cometeu suicídio na Quarta-feira passada (não deixou qualquer nota de suicídio).

A família do jovem ciclista acredita que o treinador estava de alguma forma envolvido no seu positivo. Fabio foi dispensado pela equipa Cycling.be-Alphamotorhomes e incorre numa suspensão que pode ir até aos quatro anos.


Tour do Qatar poderá regressar

O novo presidente da Federação de Ciclismo e Triatlo do Qatar, Mohammed Al-Kuwari, admite que o Tour do Qatar poderá regressar em 2018 pois a prova é muito importante e necessária no desenvolvimento das equipas nacionais.

Relembramos que a edição deste ano da prova foi cancelada no dia 28 de Dezembro e no anúncio feito pela UCI foram reveladas dificuldades em atrair apoio financeiro. 

"A federação está a planear  organizar alguns eventos locais fortes numa tentativa de descobrir talentos locais para representar as equipas nacionais do Qatar. Entre os eventos internacionais que iremos organizar no próximo ano, o mais importante será o Tour do Qatar", afirmou o presente da federação.

O Tour do Qatar era a prova de ciclismo mais antiga do Médio Oriente, realizada desde 2002, tendo sido ganha por ciclistas como Tom Boonen, Mark Cavendish e Niki Terpstra.
A prova feminina começou a ser realizar sete anos depois, em 2009. Ambas as edições de 2017 foram canceladas. 


Também pode interessar:

Lola Cycling Team

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário