André Greipel e as críticas à federação alemã


André Greipel muito desiludido com a prestação no mundial do Qatar, deu uma entrevista na qual não poupou críticas à federação do seu país. 
"A federação alemã tem a culpa do nosso pobre desempenho no Qatar", afirmou Greipel. "A Alemanha tinha três candidatos ao título mundial, mas o resultado foi um desastre."

Relembramos que Greipel ficou no 42º lugar, por ter ficado no corte provocado pelos "abanicos". Por sua vez, tanto Kittel como Degenkolb abandonaram quando ainda faltavam algumas voltas do circuito mas numa altura que, já se percebia, não iriam conseguir apanhar o primeiro grupo. 

Greipel: "Foi muito injusto a federação alemã ter jogado comigo e com o Kittel o tempo todo antes do Mundial" e ainda acrescentou "No ano passado disseram-me que iria a Richmond para ajudar o Degenkolb e, em contra partida, seria o líder alemão este ano."

"Há muito tempo que tento demonstrar que devo ser o ciclista alemão de referência e isso começa a esgotar-me. Sei muito bem que o nosso grupo esteve horrível e somos os causadores dos maus resultado. Mas a selecção alemã não soube jogar as nossas cartas e colocou-nos numa péssima posição."


Destaques do dia - Produtos Prozis
As imagens abaixo redireccionam para o site da Prozis onde podem encontrar estes e mais produtos de excelente qualidade e com óptimas campanhas. 


Parceria de conteúdo editorial complementar

Também pode interessar:

Lola Cycling Team

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário