Vuelta 2016 - Antevisão 17ª Etapa

Depois do dia de descanso os ciclistas enfrentarão uma etapa bastante dura, que acaba num autêntico muro. Num dia que costuma ser bastante complicado para alguns corredores, que não se dão bem com o dia seguinte ao descanso.

Mapa da 17ª etapa
Perfil da 17ª etapa
Dia muito duro, com mais de 3640 metros de subida acumulada em menos de 180 Kms. Serão 4 contagens de montanha, com o final a ser numa contagem de 1ª categoria.
As dificuldades começam logo aos 20 Kms, com ascensão de uma subida de 2ª categoria, Alto del Desierto de las Palmas. Convém que todos os candidatos à geral e respectivas equipas estejam bem atentos, senão, podemos ter uma nova versão da etapa de domingo.
Depois da descida, a etapa irá ter algumas pequenas subidas até ao Km 80, onde aparece a segunda subida categorizada, de 2ª categoria,  Alto de la Serratella. Um subida relativamente longo, mas muito suave.
Depois de um descida curta, aparece de imediato a contagem de 3ª, ao Alto de Benasal, quando ainda não estão atingidos os 110 Kms e prova. Depois desta ascensão, existe uma descida e muitos Kms sem grande dificuldades, até à subida final, a mais complicada do dia e que poderá fazer diferenças substanciais.
O Alto Mas de la Costa é uma subida curta (pouco mais de 4 Kms), com uma pendente média de 12,5%! Praticamente sempre acima dos 10%, com várias zonas acima dos 20%, uma autêntica barbaridade.
Subidas categorizadas:
Km 20.0 - Alto del Desierto de las Palmas 7.3 km a 5.1% - categoria 2
Km 82.5 - Alto de la Serratella 14.5 km a 3.6% - categoria 2
Km 109.2 - Alto de Benasal 11.2 km a 3% - categoria 3
Km 177.5 - Llucena. Camins de Penyagolosa (Alto Mas de la Costa) 3,8 km a 12.5% - categoria 1

Mas de la Costa

Cidade de partida: Castellón

Centro histórico de Castellón
Castellón é uma cidade espanhola, capital da província com o mesmo nome, localizado no município de Valência.
Castellón surpreende pelo seu olhar Mediterrâneo. As suas ruas respiram história, cultura, gastronomia e uma oferta comercial que a tornam única. Cidade sedutora pela sua tradição pesqueira e pela oferta turística. Todos estes pontos fazem de Castellón uma cidade confortável, atraente e agradável para descobrir e voltar.

Cidade de chegada: Llucena (Alto Mas de la Costa)

Ermita fortificada de San Miguel de Torrecelles - Llucena
Llucena é um município do interior da província de Castellón, em Valência. Está localizado na região de Alcalatén. É também conhecida como a Pérola da Montanha.
Llucena é uma cidade pitoresca, localizada no topo de um maciço ao pé da Penyagolosa. Terra de Invernos suaves e Verões frescos, cercada por vários quilómetros de natureza em estado puro. Aqui os turistas podem desfrutar de muitas actividades ao ar livre, escalada, BTT e até mesmo espeleologia. Entre as montanhas selvagens nasce o rio Llucena, com várias piscinas naturais e, algo ainda mais surpreendente, se seguirmos ao longo do seu leito encontram-se diferentes moinhos de água, uma rota a não perder.

Condições atmosféricas
Dia com algumas nuvens, mas não se espera chuva. Temperaturas a rondar os 27 a 29 ºC. O vento soprará de Este e Sudeste, com rajadas que podem atingir os 40 Km/h.




Favoritos:
Pensamos que a fuga conseguirá mais uma vez ter sucesso e vários nomes perfilam-se como principais candidatos a estar presente na mesma. Entre eles, alguns que já tentaram e estiveram bem perto de ganhar etapas.
No grupo de favoritos, Quintana e a Movistar irão controlar as operações, as coisas podem ser diferentes caso, haja um ataque como na etapa de domingo e se algum dos candidatos à geral for apanhado desprevenido.

*** FUGA (Thomas de Gendt, Jan Bakelants, Luis Léon Sanchez, Fabio Felline, Romain Hardy, Louis Meintjes, Pieter Serry, Omar Fraile, Kenny Elissonde, George Bennett...)
** Nairo Quintana, Chris Froome, Esteban Chaves
* Alberto Contador, Simon Yates, Michele Scarponi, Simon Yates, Alejandro Valverde

A nossa aposta: Fabio Felline
O italiano já merece uma vitória de etapa, bem tem tentado, mas falhou sempre, por uma ou outra razão. É um autêntico todo o terreno, capaz de sprintar ou de estar forte neste tipo de montanha. A última subida, porém, pode ser demasiado dura para ele.

Outsider:
 Esteban Chaves
No grupo dos favoritos, parece ser aquele que está em clara subida de forma. Por essa razão vai querer assegurar um lugar no pódio, já que no contrarelógio deve perder tempo para Contador e Froome.
A Orica também tem estado forte, mesmo depois de ter falhado no domingo.

Seguir em directo: Eurosport 1, TVI24, @lavuelta, #LV2016

Também pode interessar:

Lola Cycling Team

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário