Criterium du Dauphiné (2.WT) - Antevisão



O Criterium du Dauphiné, que antes de 2010 era conhecido como o Critérium du Dauphiné Libéré, nesse ano o jornal que organizava (Dauphine Libéré) cedeu toda a responsabilidade organizacional e o nome da prova foi abreviado. Decorre anualmente, durante a primeira metade de Junho, na antiga província de Dauphiné, uma região montanhosa de França.  
Esta prova, a par da Volta a Suiça, é vista por muitos como o teste final da forma dos corredores antes do Grand Boucle do ciclismo. A corrida teve a sua 1ª edição em 1947.
Ao longo dos anos, a prova foi vencida pelas grandes estrelas da modalidade. Luis Ocaña, Nello Lauredi, Charlet Mottet, Bernard Hinault são os que têm mais vitórias à geral, com três conquistas da geral para cada um.

História
últimos 10 vencedores
2006 Levi Leipheimer (USA) Gerolsteiner
2007 Christophe Moreau (Fra) AG2R Prévoyance
2008 Alejandro Valverde (Esp) Caisse d'Epargne 
2009 Alejandro Valverde (Esp) Caisse d'Epargne 
2010 Janez Brajkovic (Slo) Team RadioShack 
2011 Bradley Wiggins (GBr) Team Sky 
2012 Bradley Wiggins (GBr) Team Sky 
2013 Chris Froome (GBr) Team Sky 
2014 Andrew Talansky (USA) Garmin–Sharp
2015 Chris Froome (GBr) Team Sky

Edição 2015
1 Christopher Froome (GBr) Team Sky 30:59:02
2 Tejay Van Garderen (USA) BMC Racing Team 0:00:10
3 Rui Costa (Por) Lampre-Merida 0:01:16
4 Benat Intxausti (Spa) Movistar Team 0:01:21
5 Simon Yates (GBr) Orica GreenEdge 0:01:33
6 Romain Bardet (Fra) AG2R La Mondiale 0:02:05
7 Daniel Martin (Irl) Cannondale-Garmin Pro Cycling Team 0:02:52
8 Joaquim Rodriguez (Spa) Team Katusha 0:03:06
9 Alejandro Valverde (Spa) Movistar Team 0:03:12
10 Andrew Talansky (USA) Cannondale-Garmin Pro Cycling Team 0:04:17

Percurso
 05.06 Prólogo - Les Gets › Les Gets (3.9 Km)
 06.06 1ª etapa - Cluses › Saint-Vulbas (186 Km)
 07.06 2ª etapa - Crêches-sur-Saône › Chalmazal-Jeansagnière (167 Km)
 08.06 3ª etapa - Boën-sur-Lignon › Tournon (182 Km)
 09.06 4ª etapa - Tain-l › Belley (176 Km)
 10.06 5ª etapa - La Ravoire › Vaujany (140 Km)
 11.06  6ª etapa - La Rochette › Méribel (141 Km)
 12.06 7ª etapa - Le Pont › Superdévoluy (151 Km)

Percurso muito duro, logo a começar com uma cronoescalada de apenas 4 Kms. Existem duas etapas para os sprinters (1ª e 4ª). Mas são as duas últimas etapas que decidirão o vencedor da prova com chegadas em alto. A última apesar de acabar numa subida de 3ª categoria, mas o problema é que ficou para trás.

Perfis
Prólogo
Perfil do Prólogo
São apenas 3,9 Kms de extensão, mas muito duros com uma pendente média perto dos 10%. A parte inicial é a mais 'suave', os últimos 2 Kms são terríveis, sempre acima do 10%, com o último Km a ter uma pendente média de 15,2!
*** Alberto Contador
** Chris Froome
* Richie Porte

1ª etapa
Perfil da 1ª etapa
Etapa para os sprinters, num dia sem grandes dificuldades, as maiores aparecem nos primeiros 75 Kms.
*** Nacer Bouhanni
** Alexander Kristoff
* John Degenkolb

2ª etapa
Perfil da 2ª etapa
Etapa interessante que acaba numa contagem de 3ª categoria. Ideal para o puncheurs presentes, não deverão haver grandes diferenças entre os favoritos.
*** Julian Alaphilippe
** Alexis Vuillermoz
* Daniel Martin

3ª etapa
Perfil da 3ª etapa
Etapa com 3 contagens de montanha, a última de 2ª categoria situa-se a menos de 20 Kms. Adequa-se a ciclistas versáteis, que sejam rápidos e que consigam passar média-montanha.
*** Greg Van Avermaet
** Tony Gallopin
* Edvald Boasson Hagen

4ª etapa
Perfil da 4ª etapa
Etapa para sprinters, com duas contagens de montanha de 4ª categoria, bem longe da meta. 
*** Nacer Bouhanni
** Alexander Kristoff
* Greg Van Avermaet

5ª etapa

Perfil da 5ª etapa
Etapa duríssima que acaba numa subida de 2ª categoria. Os primeiros 80 Kms do dia são complicados, com 6 contagens de montanha, 1 de 1ª de categoria, 2 de 4ª categoria e 2 de 3ª categoria.
*** Chris Froome
** Thibaut Pinot
* Joaquim Rodriguez

6ª etapa
Perfil da 6ª etapa
Etapa raínha da prova, com 5 contagens de montanha. 3 de 1ª categoria (uma delas coincide com o final), 1 de HC, o Col de la Madeleine e 1 de 2ª categoria. Isto tudo em apenas 141 Kms.
*** Alberto Contador
** Chris Froome
* Thibaut Pinot

7ª etapa
Perfil da 7ª etapa
Etapa muito dura que é a última chance dos candidatos à geral se confrontarem. Acaba numa subida de 3ª categoria, mas 12 Kms da meta há uma subida de 1 categoria e antes disso há outra de 1ª categpria e 1 de 2ª e outra de 3ª.
*** Romain Bardet
** Fabio Aru
* Thibaut Pinot

Startlist

Favoritos

***** Alberto Contador, Chris Froome
**** Richie Porte, Thibaut Pinot, 
*** Fabio Aru, Mikel Landa, Romain Bardet
** Daniel Martin, Bauke Mollema
* Julian Alaphilippe, Joaquim Rodriguez, Simon Yates

A nossa aposta: Alberto Contador
Contador vs Froome, é o duelo mais esperado e mediático do ciclismo mundial na actualidade. A nossa aposta vai para Alberto Contador, que se tem mostrado melhor em 2016. No entanto Froome costuma estar muito forte no Dauphiné, já venceu duas vezes esta prova.
O que todos os adeptos da modalidade esperam é um duelo épico como aconteceu em 2014.
Outsider: Richie Porte
O australiano é um dos melhores ciclistas em provas de 1 semana. Este ano apesar de ainda não ter ganho alguma prova, esteve sempre nos primeiros lugares.
A BMC decidiu colocar os seus dois líderes em duas provas distintas, Porte aqui e Van Garderen vai à Volta à Suiça. No Tour os dois estarão na equipa. No Dauphiné, a BMC aposta tudo em Richie Porte.

Seguir em directo: #Dauphine, @dauphine, RTP 2, Eurosport 2

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário