Pozzovivo consciente e fora de perigo

Domenico Pozzovivo (na imagem)
Domenico Pozzovivo teve uma queda grave durante a 3ª etapa do Giro, que o obrigou a abandonar a prova. 
A queda deu-se quando o ciclista seguia a alta velocidade na descida do Passo della Scoglina a cerca de 40 quilómetros da meta. Pozzovivo bateu com violência no chão com a cara e peito, ficando inconsciente na estrada.
A equipa médica rapidamente chegou ao local, tratando de tomar os devidos procedimentos. Em seguida foi levado para o hospital.

Giovanni Tredici, chefe da equipa médica do Giro, em declarações à RAI TV disse que Pozzovivo está fora de perigo de vida: "Ele encontra-se consciente, nesse momento não há problema sobre esse assunto. Ele vai a caminho do hospital, tem um trauma na cara, mas nada de critico."

O Colombiano Carlos Betancur, colega de equipa do italiano falou no final da etapa sobre este triste momento: "Foi um momento muito complicado. Claro que o Pozzovivo teve de abandonar a prova, o que é muito triste para nós. Agora cabe a mim e hoje não tive boas sensações, felizmente, a corrida é de três semanas."

Desejamos as rápidas melhoras a Domenico Pozzovivo, hoje viveram-se momentos de pânico com as imagens que eram transmitidas. Também era desnecessário a RAI ter mostrado aqueles momentos.


Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário