Subidas míticas - Gamoniteiro

As Astúrias são um paraíso para qualquer ciclista que goste de montanha. A mais conhecida da região é obviamente o monstro Angliru, mas apresentamos outra subida que impressiona, o seu nome é Gamoniteiro.

Vista para o alto do Gamoniteiro (na imagem)
O Gamoniteiro é o ponto mais alto da Sierra del Aramo, para se chegar lá, existem duas vertentes, uma por Pola de Lena e outra por San Martin, iremos começar pela vertente mais 'suave'.

Por San Martin
Perfil por San Martin (Fonte:climbybike)
Esta é vertente mais 'suave', mas mais longa, embora a diferença não seja muito grande. São 17 Kms, a 7,6% de inclinação média e com um acumulado de 1290 metros.
As grande dificuldades desta subida encontram-se na parte final, os dois últimos quilómetros são terríveis e é aí que se encontra a zona mais complicada, com 17% de inclinação, a média de inclinação dos dois quilómetros finais são uns impressionantes 12,05%.
Os primeiros quilómetros da subida são bem diferentes dos últimos, com uma % de inclinação que não passa os 7%. Apenas entre os 4 e 5 quilómetros é que sobe acima dos 7%. Apartir do 6º quilómetro até ao 9º, a inclinação é sempre acima dos 8%, até que entre os 9 e 11 quilómetros, é uma zona de descanso, com uma descida. Do 11º ao 15º as médias são sempre acima dos 7%, sendo que do 13º ao 15º as coisas empinam acima dos 9%, muito perto dos dois dígitos, tudo para preparar os dois últimos e terríveis quilómetros.
Características:
Distância: 17 Kms
Subida acumulada: 1290 m
Inclinação média: 7,6 %
Inclinação máxima: 17%
Altitude no topo: 1772 m

Por Pola de Lena

Esta é a vertente mais dura e os números são implacáveis. São 16,4 Kms a 9% de inclinação média e apenas dois quilómetros estão abaixo dos 6% de média. De referir que esta subida compartilha uma parte da mesma com outra bem conhecida, Alto de La Cobertoria, os primeiros quase 10 Kms.
O primeiro quilómetro é o mais 'fácil', apartir do segundo quilómetro até ao 9º a coisa é sempre acima dos 8% sendo que entre o 3º e 8º, é acima dos 9%, destaque para o 6º quilómetro, acima dos 10%.
Entre o 9º e o 11º a coisa ameniza um pouco, 5,7% para o 9º e 6,1% para o 10º, isto prepara os últimos quilómetros que são simplesmente  infernais, entre o 11º quilómetro e o final, apenas o 12º não está acima dos 10%.
Os últimos dois quilómetros como acontece na subida por San Martin, são demolidores, 12,1% de inclinação do penúltimo quilómetro e os últimos 400 metros são a 11,7%. Nestes últimos quilómetros, várias secções dificílimas, a 13%, 14% e 15% e a zona mais inclinada é a 17%.

Perfil por Pola de Lena (Fonte: Altimetrias.net)
Características:
Distância: 16,4 Kms
Subida acumulada: 1462 m
Inclinação média: 9,0 %
Inclinação máxima: 17%
Altitude no topo: 1772 m

Em conclusão, o Gamoniteiro é uma subida que se for realizada por Pola de Lena, é infernal, sem qualquer zona de descanso. Pela vertente de San Martin é uma subida mais 'amiga', com zonas para recuperar.
Por fim referir que as duas subidas têm um piso bastante degradado, com muitos buracos, zonas em terra batida e extremamente estreita, o que torna a ascensão ainda mais complicada.
Bem no topo existem 2 antenas de comunicações.

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário