Pelotão Português em 2015

O pelotão velocipédico português ganha forma, tendo em vista a próxima época.
Mesmo com as dificuldades do costume, as equipas lá vão conseguindo fazer os seus pequenos milagres e compondo os seus plantéis.

Fica o registo do que se vai sabendo:

W52 (antiga OFM-Quinta da Lixa)

Gustavo Veloso será o chefe de fila
Restante Equipa:
Delio Fernandez; Luís Fernandes; Hélder Oliveira; João Matias; Gualter Carvalho; Rui Barros; Carlos Ribeiro (ex-Mortágua); António Carvalho (ex-LA); Joaquim Silva (ex-Mortágua); Rui Vinhas (ex-Louletano)

Efapel

O galego Alejandro Marque será o Nº 1 da Equipq

Restante Equipa:
Sérgio Sousa; Diego Rubio; Filipe Cardoso; Rafael Silva; Joni Brandão; Hélder Ferreira; Arkaitz Duran (ex-OFM)

Rádio Popular/Boavista

O veterano Rui Sousa manter-se-á como principal figura
Restante Equipa:
Célio Sousa; Daniel Silva; César Fonte; Alberto Gallego; Virgílio Santos; Nuno Bico; Ricardo Vale; Samuel Magalhães (ex-Liberty Seguros); David Rodrigues (ex-Liberty Seguros)

Banco BIC/Tavira

O regressado Ricardo Mestre (ex-Efapel) voltará a liderar os algarvios
Restante Equipa:
Manuel Cardoso; Daniel Mestre; David Livramento; João Pereira; Amaro Antunes; Henrique Casimiro; Rafael Reis

Quanto às restantes equipas que se prevêem, está tudo muito indefinido ou por se saber. Na LA-Paredes (que deverá ter Edgar Pinto a chefiar os restantes) e no Louletano (onde Jorge Piedade reconstruirá nova equipa) o momento ainda não é o indicado para apresentarem os seus corredores.
Ficam os votos que consigam construir as suas equipas e possam rolar nas nossas estradas, em competição com os restantes.

O Ciclismo agradece :)

Também pode interessar:

K92-União Ciclista

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário