Paris-Nice (2.WT) - Antevisão


A 76ª edição da 'corrida do Sol' arranca este domingo numa pequena localidade situada a 30 quilómetros a Oeste de Paris, Bois-d'Arcy.
A prova realizou-se pela primeira vez em 1933 e foi vencida por Alfons Schepers da Bélgica.O Paris-Nice é muitas vezes referenciado como o 'verdadeiro' inicio da temporada de ciclismo, no entanto, nos últimos anos com as novas provas cada vez menos se faz essa referência.
O ciclista com mais sucesso no Paris-Nice é o Irlandês Sean Kelly que venceu sete edições consecutivas, entre 1982-1988, um feito notável. A lista de vencedores é de autêntico luxo, sendo uma das provas com maior prestigio a seguir às Grandes Voltas. Além do já referenciado Sean Kelly, Jacques Anquetil, Eddy Merckx, Joop Zoetemelk, Raymond Poulidor, Miguel Indurain, Tony Rominger, Laurent Jalabert  e Alberto Contador.

História

últimos 10 vencedores
2008 Davide Rebellin (ITA) Gerolsteiner
2009 Luis León Sánchez (ESP) Caisse d'Epargne
2010 Alberto Contador (ESP) Astana
2011 Tony Martin (GER) HTC–Highroad
2012 Bradley Wiggins (GBR) Team Sky
2013 Richie Porte (AUS) Team Sky
2014 Carlos Betancur (COL) Ag2r–La Mondiale
2015 Richie Porte (AUS) Team Sky
2016 Geraint Thomas (GBR) Team Sky
2017 Sérgio Henao (COL) Team Sky

Edição 2017 (Top-10)
1    Sergio Henao (Col) Team Sky    29:50:29   
2    Alberto Contador (Spa) Trek-Segafredo    0:00:02   
3    Daniel Martin (Irl) Quick-Step Floors    0:00:30   
4    Gorka Izagirre (Spa) Movistar Team    0:01:00   
5    Julian Alaphilippe (Fra) Quick-Step Floors    0:01:22   
6    Ilnur Zakarin (Rus) Katusha-Alpecin    0:01:34   
7    Jon Izaguirre (Spa) Bahrain-Merida    0:01:41   
8    Warren Barguil (Fra) Team Sunweb    0:04:07   
9    Simon Yates (GBr) Orica-Scott    0:04:39   
10    Tony Gallopin (Fra) Lotto Soudal    0:09:14

Percurso

04/03 Etapa 1 - Chatou › Meudon (135 Km)
05/03 Etapa 2 - Orsonville › Vierzon (187 Km)
06/03 Etapa 3 - Bourges › Châtel-Guyon (210 Km)
07/03 Etapa 4 (CRI) - La Fouillouse › Saint-Étienne (18.4 Km)
08/03 Etapa 5 - Salon-de-Provence › Sisteron (163.5 Km)
09/03 Etapa 6 - Sisteron › Vence (188 Km)
10/03 Etapa 7 - Nice › Valdeblore La Colmiane (175 Km)
11/03 Etapa 8 - Nice › Nice (110 Km)
Total: 1186.9 Kms

Serão oito dias de competição com um total de 1186,9 quilómetros, que levarão os ciclistas do norte de França até ao sul, à Côte d'Azur.
O percurso deste ano não é nada amigável para os sprinters, com apenas uma etapa (2ª) adequado para eles e mais duas em que podem discutir a vitória (3ª e 5ª). A 7ª etapa é mais uma vez a etapa rainha da prova, com chegada a Valdeblore La Comiane. A 6ª e 8ª etapas também serão dias com dificuldades importantes, que podem fazer diferenças importantes, principalmente no último dia.
A 4ª etapa será um dos dias mais importantes para a geral, trata-se de um contrarrelógio individual, praticamente plano.

Perfis
04/03 Etapa 1 - Chatou › Meudon (135 Km)


Sprints intermédios:  
- Les Mesnuls (117 m, Km 32.6), 
- Châteaufort (155 m, Km 96.2)

Subidas categorizadas:  

- Côte des 17 Tournants (3ª Cat., 160 m, 1.3 Km a 5.3%, Km 78.8), 
- Côte de Méridon (3ª Cat., 152 m, 1.4 Km a 4.9%, Km 85.3), 
- Côte de Meudon (3ª Cat., 140 m, 1.9 Km a 5.5%, META).

05/03 Etapa 2 - Orsonville › Vierzon (187 Km)








Sprints intermédios:  

- Patay (123 m, Km 62.5), 
- Saint-Georges-sur-la-Prée (120 m, Km 171.6).

Zona de abastecimento: Huisseau-sur-Mauves (104 m, Km 82.5).


06/03 Etapa 3 - Bourges › Châtel-Guyon (210 Km)




Sprints intermédios:  
- Le Brethon (343 m, Km 61.2), 
- Les Brossons (786 m, Km 190.0).

KOM SPRINTS:  

- Cote de la Bosse (3ª Cat., 719 m, 2.3 Km a 5.4%, Km 123.2), 
- Côte des Boulards (3ª Cat., 560 m, 4.8 Km a 4.8%, Km 143.6), 
- Côte de Charbonnières (3ª Cat., 716 m, 4.6 Km a 4.5%, Km 187.2).

Zona de abastecimento: Verniex (369 m, Km 85.4).

07/03 Etapa 4 (CRI) - La Fouillouse › Saint-Étienne (18.4 Km)



Ponto intermédio: Saint-Héand (675 m, Km 7.8).

08/03 Etapa 5 - Salon-de-Provence › Sisteron (163.5 Km)




Sprints intermédios:  
- Revest-du-Bion (919 m, Km 95.8), 
- Sisteron (553 m, Km 156.6).

Subidas categorizadas:  

- Col du Pointu (2ª Cat., 483 m, 4.0 Km a 5.1%, Km 50.0), 
- Col de Lagarde-d'Apt (1ª Cat., 1097 m, 11.0 Km a 6.9%, Km 77.7), 
- Col du Négron (3ª Cat., 1241 m, 6.0 Km a 2.9%, Km 107.2), 
- Côte de la Marquise (3ª Cat., 574 m, 1.4 Km a 6.4%, Km 153.5).

09/03 Etapa 6 - Sisteron › Vence (188 Km)




Sprints intermédios: 
- Préfaissal (656 m, Km 36.4), 
- Saint-Paul-de-Vence (242 m, Km 193.4).

Subidas categorizadas:  

Col de Luens (2ª Cat., 1045 m, 6.7 Km a 4.6%, Km 100.8), 
Col Bas (2ª Cat., 1186 m, 1.7 Km a 6.4%, Km 120.8), 
Côte de Cipières (2ª Cat., 743 m, 2.8 Km a 5.0%, Km 148.9), 
Côte de Gourdon (2ª Cat., 741 m, 3.8 Km a 4.3%, Km 159.4), 
Côte de la Colle sur Loup (1ª Cat., 273 m, 1.9 Km a 9.7%, Km 189.8).

Zona de abastecimento: La Garde (900 m, Km 97.0).


10/03 Etapa 7 - Nice › Valdeblore La Colmiane (175 Km)


Sprints intermédios:  
- Le Broc (452 m, Km 18.4), 
- Tournefort (522 m, Km 144.6).

Subidas categorizadas:  

- Côte de Gattières (2ª Cat., 264 m, 4.5 Km a 4.8%, Km 9.9), 
- Côte de la Sainte-Baume (1ª Cat., 1099 m, 16.7 Km a 3.7%, Km 84.8), 
- Col Saint-Raphael (2ª Cat., 873 m, 5.8 Km a 4.1%, Km 108.4), 
- Côte de Villars-sur-Var (2ª Cat., 412 m, 2.1 Km a 6.7%, Km 135.0), 
- Valdeblore La Colmiane (1ª Cat., 1498 m, 16.2 Km a 6.2%, META).

Zona de abastecimento La Penne (643 m, Km 104.0).

11/03 Etapa 8 - Nice › Nice (110 Km)



Sprints intermédios:
- Levens (541 m, Km 24.4), 
- La Turbie (479 m, Km 79.0).

Subidas categorizadas:
- Côte de Levens (2ª Cat., 473 m, 6.2 Km a 5.8%, Km 20.8), 
- Côte de Chateaueuf (2ª Cat., 624 m, 5.3 Km a 4.5%, Km 36.9), 
- Col de Calaison (2ª Cat., 478 m, 6.3 Km a 4.4%, Km 51.7), 
- Côte de Peille (1ª Cat., 650 m, 6.5 Km a 6.9%, Km 67.8), 
- Col d'Eze (1ª Cat., 502 m, 1.7 Km a 8.5%, Km 84.0), 
- Col de Quatre Chemins (2ª Cat., 327 m, 5.5 Km a 5.4%, Km 101.8).

Startlist

Aqui


Favoritos

Sprinters
*** Arnaud Démare, Elia Viviani
** Dylan Groenewegen, Alexander Kristoff
*Nacer Bouhanni, André Greipel, Matteo Trentin; John Degenkolb, Magnus Cort Nielsen, Phil Bauhaus, Sam Bennett

Geral
***** Wout Poels
**** Julian Alaphilippe, Bauke Mollema
*** Tejay van Garderen, Ilnur Zakarin, Dan Martin, Jakob Fuglsang
** Marc Soler, Tony Gallopin, Simon Yates, Esteban Chaves, Gorka Izagirre, Sam Oomen, Ion Izagirre, Sergio Henao
* Rui Costa, Roman Kreuziger, Warren Barguil, David De La Cruz, Jesus Herrada, Tim Wellens, Luis Leon Sanchez

A nossa aposta: Wout Poels
A Sky desde 2012, venceu todas as edições, excetuando a de 2014, conquistada por Carlos Betancur.
Este ano a aposta deverá recair em Wout Poels e Sergio Henao, este último venceu a última edição. Acreditamos que o percurso adequa-se ao holandês, que também já mostrou credenciais em 2018, na Ruta del Sol.

Outsider: Julian Alaphilippe
O francês na edição do ano passado brilhou muito, foi líder da prova, venceu uma etapa e acabou no 5º lugar final. Este ano, o objetivo é melhorar e o percurso é bem à sua medida.

Portugueses
Serão dois os portugueses presentes na prova. Rui Costa terá liberdade de procurar vitórias de etapa e também para alcançar um bom lugar na geral. O líder da UAE- Team Emirates será Daniel Martin.
Em relação a Tiago Machado, o famalicense tem um líder claro da equipa, Ilnur Zakarin, a sua principal função deverá ser trabalhar em prol dele. No entanto, não será surpreendente se estiver presente em fugas.

Seguir em direto: @ParisNice, #ParisNice
(Todos os dias, a partir das 14:30)


Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário