Adriano Malori anunciou fim de carreira


Conferência de imprensa desta manha (Foto: Twitter oficial da equipa Movistar)
Foi hoje de manha, durante a conferência de imprensa do primeiro dia de descanso da Volta à França que Adriano Malori, na companhia dos seus companheiros de equipa e de Eusebio Unzué, anunciou o fim da sua carreira como ciclista profissional.

Em Janeiro de 2016, durante o Tour de San Luis, Malori sofreu uma queda que o deixou em estado grave, com um traumatismo cranioencefálico. Malori recuperou e até voltou à competição mas hoje colocou um ponto final.
"Todos sabemos o que se passou na Argentina. Tenho travado uma batalha contra esse dia e venci, embora não o tenha conseguido completamente. O objectivo que tinha na minha vida, como já expliquei ao Eusebio, era fazer algo de especial no ciclismo. Não o consigo fazer como ciclista mas irei fazê-lo de outra forma. A partir de hoje começa ‘Adriano Malori 2.0’. Estou há um mês a formar-me como técnico, a estudar para essa nova faceta. A Federação Italiana está a ajudar-me imenso, tal como dois grandes amigos que fazem para desta equipa, Mikel Zabala e Manu Mateo."
"Fiz tudo o que podia para voltar à competição, mas os resultados deste ano são claros para todos. No Alentejo só consegui fazer 80 quilómetros e em Castilla y León, 30 quilómetros. Tentar era a única forma de saber se conseguia. Posso continuar a andar de bicicleta perfeitamente, mas a competição já não é para mim. Seja como for, a minha recuperação foi impressionante. E não sou eu que o digo, são palavras dos médicos. Esta a melhor coisa que tiro destes últimos meses, espero que as pessoas que sofrem desta doença se consigam inspirar em mim, que recuperei como nunca ninguém tinha feito antes. É sem dúvida o mais importante da minha história, uma mensagem de esperança para as pessoas, para que continuem a acreditar."
"A Movistar tem sido algo de muito bonito na minha vida. Aqui encontrei pessoas espectaculares, amigos, uma verdadeira família. Foi um prazer estar na estrada com eles, e foram espectaculares ao ajudar-me e animar-me ao longo destes meses. A todos da Movistar, auxiliares, ciclistas, todos os membros vos digo, em Parma terei sempre um bom jantar pago (risos)."

Fonte: http://movistarteam.com 

 

Também pode interessar:

Lola Cycling Team

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário