Robert Gesink abandona Volta ao Algarve por razões pessoais

Robert Gesink (na imagem)
Na passada Vuelta, Robert Gesink, que se encontrava no top-10 da geral também abandonou a prova por razões pessoais a poucos de terminar a prova. Na altura a mulher estava grávida e foi operada duas vezes na semana anterior, a . 
Desta vez, o holandês teve de abandonar a prova algarvia também por razões do foro pessoal. O director desportivo da equipa, Nico Verhoeven, estava desolado: "O nosso homem para a geral foi para casa, o dia tornou-se diferente daquilo que esperávamos. Estávamos bem na classificação geral, mas tudo se esfumou agora, infelizmente não foi um dia bom para nós."

Sobre o futuro da equipa na prova, Nico Verhoeven mostrou-se pouco confiante: "Nenhum dos nossos corredores fez um bom tempo. Deram tudo e mostraram que estão em boa forma, este contra-relógio foi um bom treino, um dos nossos objectivos aqui é evoluir com os nossos corredores das clássicas. Vai ser difícil atingir um bom resultado no sábado depois do abandono de Gesink."

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário