GP la Marseillaise (1.1) - Antevisão


O GP la Marseillaise como é tradição abre o calendário de ciclismo Francês. A edição deste ano será a 41ª edição e mais uma vez terá a presença de algumas das maiores figuras do ciclismo gaulês. A prova começou a ser disputada nos anos 80 e conforme o nome indica, disputa-se na região de Marselha, na Cote d'Azur.
Foi durante vários anos a corrida que abria o calendário europeu, esse estatuto entretanto foi perdido para o Challenge de Maiorca.

Sendo a primeira prova do calendário francês, é aquela que abre a Taça de França, que tem o seguinte calendário:
  • 2 fevereiro : GP La Marseillaise
  • 19 março : GP de Denain 
  • 28 março : Classic Loire-Atlantique
  • 29 março : Cholet Pays de Loire
  • 3 abril : Route Adélie
  • 5 abril : La Roue Tourangelle
  • 14 abril : Paris-Camembert
  • 18 abril : Tour du Finistère
  • 19 abril : Tro-Bro Léon 
  • 16 maio : GP de Plumelec 
  • 17 maio : Boucles de l'Aulne
  • 16 agosto : La Polynormande
  • 6 setembro : Tour du Doubs 
  • 13 setembro : GP de Fourmies - La Voix du Nord 
  • 20 setembro : GP d'Ibsergues
  • 4 outubro : Tour de Vendée

História

últimos 10 vencedores
2010 Jonathan Hivert (FRA) Saur-Sojasun
2011 Jérémy Roy (FRA) FDJ
2012 Samuel Dumoulin (FRA) Cofidis
2013 Justin Jules (FRA) La Pomme Marseille
2014 Kenneth Vanbilsen (BEL) Topsport Vlaanderen-Baloise
2015 Pim Ligthart (NED) Lotto-Soudal
2016 Dries Devenyns (BEL) IAM Cycling
2017 Arthur Vichot (FRA) FDJ
2018 Alexandre Geniez (Fra) AG2R La Mondiale 
2019 Anthony Turgis (Fra) Direct Energie




Percurso

Marselha - Marselha, 145.3 Km




O percurso não é muito diferente das últimas edições.
Toda a ação desenrola-se em torno da cidade de Marselha, com os ciclistas a partirem em direção ao interior onde encontrarão as dificuldades montanhosas.
A primeira dificuldade aparece aos 36 quilómetros, com a ascensão ao Col du Petit Galibier (7,6Km@3,7%).
Depois de uma descida, os corredores enfrentarão a subida mais longa do dia, o Col de l'Espigoulier (13,5Km@3,9%), o topo fica praticamente a meio da prova. Depois de uma descida de mais de 10 quilómetros, nova subida, a Cote de Bastide (8,3Km@2,8%). O Pas d'Oullier (5.5 Km@5.7%) é a dificuldade que se segue.
A última subida do dia é o Col de la Gineste (5.7Km@5,1%), o topo situa-se a 10quilómetros da meta, que serão realizados em descida até ao Velódrome de Marselha.

Condições atmosféricas

Dia seco, com temperaturas moderadas e vento que por vezes pode soprar forte de oeste.

Startlist

Aqui

Favoritos

⭐⭐⭐⭐⭐ Benoit Cosnefroy
⭐⭐⭐⭐ Valentin Madouas, Lilian Calmejane
⭐⭐⭐ Jesus Herrada, Anthony Turgis, Xandro Meurisse
⭐⭐ Alexander Geniez, Jonathan Hivert, Clement Venturini
⭐ Michael Valgren, Edvald Boasson Hagen, Dimitri Clayes

A nossa aposta: Benoit Cosnefroy
Afirmou-se definitivamente em 2019, é um dos valores emergentes do ciclismo francês. Ciclista bastante explosivo e capaz de passar dificuldades do género que irá encontrar nesta prova.
Se a prova for seletiva, é um nome muito forte para ganhar.

Outsider: Valentin Madouas
Tal como Cosnefroy, também é um dos nomes emergentes do ciclismo gaulês. É um ciclista muito versátil, menos explosivo que outros, mas que aguenta relativamente bem subidas mais longas.
Para ganhar, ele e a sua equipa terão de endurecer muito a corrida. Outras equipas também estarão interessadas nesse cenário.

Seguir em directo: #GPLM2020; @lamarsweb



Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Publicar um comentário