Tinkoff-Saxo anuncia saída de Bjarne Riis

A Tinkoff-Saxo anunciou num comunicado que Bjarne Riis está de saída da equipa russa.
"Chegamos a acordo para terminar o contrato." "Os termos deste acordo mantém-se confidencial e as duas partes não podem fazer mais comentários."  revelou o comunicado da equipa russa.

Bjarne Riis e Oleg Tinkov em amena conversa
Bjarne Riis criou a equipa no inicio dos anos 2000, primeiro era a Team CSC e depois passou a ser patrocinada pela Saxo Bank. Como director desportivo Riis venceu o Paris-Roubaix com Cancellara em 2006, o Giro em 2006 por Ivan Basso, a Liége-Bastogne-Liége por Tyler Hamilton em 2003, a Milão-São Remo em 2008 com Cancellara, novamente a Liége-Bastogne-Liége em 2009 com Andy Schleck, a Volta a Flandres e Paris Roubaix em 2010 com Cancellara, a Volta a Flandres com Nick Nuyens em 2011, a Vuelta com Alberto Contador em 2012 e 2014 e a Volta a França em 2008 por Carlos Sastre e em 2010 por Andy Schleck.
Um currículo impressionante, que não lhe serviu de muito, já que Oleg Tinkov, dono da equipa que adquiriu no final de 2013, nos últimos tempos se mostrou descontente.

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário