Mário Costa pronto para ajudar a Lampre-Merida

Mário Costa ainda na OFM-Quinta da Lixa
Aos 29 anos de idade, Mário Costa, irmão do campeão do mundo de 2013, deu o salto para uma equipa World Tour e que salto, de uma equipa Continental.
"Era difícil de acreditar que um dia correria as corridas mais importantes do mundo. Eu treinava com o meu irmão e via-o na televisão mas correr com ele nas maiores competições é um sentimento difícil de explicar." disse Mário Costa ao jornal A Bola.

Ele já sabe quais serão as primeiras provas que participará na primeira parte da temporada. Irá estar no Tour of Qatar, Paris-Nice, Volta a Catalunya, Vuelta ao País Vasco e Tour Romandie. "Depois destas provas depende como responderei às exigências da equipa. A minha missão é trabalhar para o meu irmão e para os restantes líderes da equipa." disse ele ao jornal A Bola.

O salto competitivo que ele deu, obriga-o a focar-se única e exclusivamente no ciclismo, o que antes não acontecia. "Para competir no topo do ciclismo mundial, terei de fazer muitos sacrifícios, mas estou preparado." concluiu.

Também pode interessar:

Bruno Dias

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário