Eddy Merckx - O Canibal - O maior de todos os tempos

Eddy adquiriu a sua primeira bicicleta, em segunda mão, quando tinha oito anos.
A sua carreira de ciclista começou em 1961. Ganhou o seu primeiro título importante  1964 em Sallanches : foi campeão mundial amador. Em 1965, deu-se a sua passagem a profissional.
Merckx estabeleceu o recorde hora em 1972, depois de  uma temporada em que correu o Tour, Giro e quatro clássicas, Merckx alcançou a marca 49,431 km em alta altitude da Cidade do México.

Merckx a bater o recorde da hora

Desde que se retirou Merckx permaneceu ativo no ciclismo profissional através de vários projetos comerciais e desportivos, principalmente pela fabricação e venda da sua própria gama de bicicletas, as Eddy Merckx Cycles.

Ganhou onze grandes voltas, venceu quatro títulos mundiais (um deles da categoria amador) , triunfou em 32 clássicas, recorde mundial , um total alcançou 445 vitórias como profissional, foi 183 vezes líder de uma grande volta. Eddy Merckx bateu todos os recordes. Seu registo é único e nunca foi superado. 


Merckx prestes a vencer o Campeonato Mundial em Montreal 74


O número de vitórias por ano que Merckx alcançou por cada ano é verdadeiramente assombroso:

1965: 12 vitórias
1966: 21 vitórias
1967: 28 vitórias
1968: 33 vitórias
1969: 47 vitórias
1970: 53 vitórias
1971: 52 vitórias
1972: 56 vitórias
1973: 58 vitórias
1974: 45 vitórias
1975: 48 vitórias
1976: 19 vitórias
1977: 23 vitórias
1978: 0 
vitórias


Com tantas vitórias Eddy Merckxx obteve uma particular alcunha, O Canibal, devido ao seu voraz apetite por vitórias. 

Resumidamente apresenta então este brilhante este palmarés:
Tour de France : 1969, 1970, 1971, 1972, 1974
Giro d'Italia : 1968, 1970, 1972, 1973, 1974
Vuelta a España : 1973
Campeão do Mundo (4) : 1964 (amador) - 1967, 1971, 1974
Campeão da Europa em Pista (4) : 1970, 1974, 1975, 1978
Campeão da Bélgica em estrada : 1970
Campeão da Bélgica em pista (7) : 1963, 1964, 1965, 1966, 1968, 1975,1976
Vencedor do Super Prestige Pernod (7) : 1969, 1970, 1971, 1972, 1973, 1974, 1975
Vencedor do Challenge GAN (3) : 1973, 1974, 1975
Grande prêmio das nações (Grand prix des Nations): 1973
Conta ainda com mais 29 corridas importantes, entre as quais 7 vezes Milão-Sanremo, 5 vezes Liège-Bastogne-Liège, 3 vezes Paris-Roubaix e 2 vezes o Tour des Flandres.


Também pode interessar:

jdragon cycling team

Adora ciclismo e tudo o que se relaciona com bicicletas. O mês de maio e julho são sagrados e tem um carinho pelas clássicas da primavera e pela Volta a Portugal. Ao longo dos anos aprendeu a apreciar a Vuelta.

Sem comentários:

Enviar um comentário